Dezembro 14, 2019

Login to your account

Username *
Password *
Remember Me

Create an account

Fields marked with an asterisk (*) are required.
Name *
Username *
Password *
Verify password *
Email *
Verify email *
Captcha *
Reload Captcha

Encontro discute energia solar na ALESP

Foi realizado na quinta-feira (14/11) o Encontro Brasileiro de Energia Fotovoltaica na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP).

O evento contou com a participação de especialistas que apresentaram as perspectivas do setor para os próximos anos e falaram das questões envolvidas na geração de energia solar.

Estiveram presentes o engenheiro Bruno Kikumoto, presidente do Canal Solar, Ronaldo Koloszuk, presidente da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR) e Walber Oliveira, presidente da Associação Paraense de Energia Solar (APASOLAR).

"Hoje a energia solar é o futuro para o Brasil. Nós estamos em um país em desenvolvimento, em que se fala muito no carro elétrico, mas para ter um carro elétrico é preciso a geração de energia. Não só isso, o Estado em si tem uma falta de 60% da energia para manter o básico", disse o deputado Sebastião Santos, apoiador do evento.

Leonel Aguiar, presidente da Ordem dos Parlamentares do Estado de São Paulo (OPESP), destacou a razão de a ALESP ser o ambiente adequado para levar a discussão. "É importante discutir a necessidade desse novo tipo de energia com a sociedade. É um tipo que está crescendo (...) Além disso, é barata e todos devem usufruir", avaliou.

Encontro na ALESP. Da esquerda para a direita: Bruno Kikumoto, presidente do Canal Solar, Walber Oliveira, presidente da APASOLAR e Ronaldo Koloszuk, presidente da ABSOLAR.

Diante das incertezas geradas pelas mudanças regulatórias propostas pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que podem prejudicar o segmento da energia solar, a aproximação do setor com o poder legislativo é muito importante, com a possibilidade de criação de mecanismos e incentivos que possam defender e alavancar a fonte solar no Brasil, começando pela esfera estadual.

A energia solar fotovoltaica tem forte representatividade no Estado de São Paulo. O Estado sedia diversos fabricantes de módulos solares fotovoltaicos, além de centenas de empresas de tecnologia e serviços. Somente nas fábricas paulistas de módulos são gerados mais de 9.000 empregos diretos e indiretos, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (ABINEE).

Fonte: redação do Canal Solar, com informações da ALESP


Publicidade:

Rate this item
(1 Vote)
Last modified on Sexta, 15 Novembro 2019 08:44
Canal Solar

Redação do Canal Solar

© 2019 Canal Solar