27 de maio de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.99GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 10,7W

Aldo Solar registrou um crescimento de 50% no 1º trimestre do ano

A distribuidora participa ativamente em 30% do mercado de GD do país

Autor: 10 de maio de 2021Brasil
Aldo Solar registrou um crescimento de 50% no 1º trimestre do ano

Nos primeiros três meses deste ano, a Aldo Solar registou um aumento de 50% em relação ao trimestre anterior. 

Segundo a distribuidora de equipamentos fotovoltaicos, no primeiro trimestre deste ano foram comercializados aproximadamente 22,6 mil geradores.

Além disso, até o final de abril, a Aldo totalizou a comercialização de 135 mil geradores no Brasil, participando ativamente de 30% do mercado de GD (geração distribuída) solar no país. 

A empresa também anunciou o apoio ao projeto Amazônia 4.0, que visa a exploração do bioma sem gerar danos ao meio ambiente, por meio da implantação de Laboratórios Móveis (LCAs).

“A participação da Aldo no Amazônia 4.0, um privilégio já comentado acima, começa com a doação de um gerador solar fotovoltaico capaz de fornecer a energia necessária para o laboratório onde são realizadas as atividades de capacitação dos produtores no local onde vivem”, afirma Aldo Teixeira, presidente e fundador da Aldo Solar. 

Leia mais: Projeto Amazônia 4.0 prevê exploração sustentável da biodiversidade

Ainda para este ano, a Aldo estabeleceu como meta o crescimento de 100% da empresa em relação ao ano passado, além da expectativa de fornecer cerca de 1,3 GW de potência.

Giuliana Olivieri

Giuliana Olivieri

Atuou como produtora de programa de entrevista na Rádio Brasil Campinas, além de elaboração de reportagens diárias, edição de áudio e vídeo. Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico, cobrindo a editoria de Mercado e Negócios. Graduanda em Jornalismo na PUC Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.