Banco brasileiro conclui emissão de R$ 260 milhões em títulos sustentáveis

Objetivo do BMDG é viabilizar o financiamento de projetos ambientais

O BDMG (Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais) efetivou a primeira emissão da história de Títulos Sustentáveis realizada por um banco público brasileiro. A operação ocorreu na Bolsa de Nova Iorque, no valor de US$ 50 milhões – o equivalente a cerca de R$ 260 milhões.

O objetivo é viabilizar o financiamento de projetos com enfoque ambiental de empresas de todos os portes e municípios do estado. O BID Invest – banco multilateral pertencente ao Grupo BID – adquiriu a totalidade dos títulos.

“A recuperação econômica, via desenvolvimento sustentável, está no centro da estratégia do BDMG. Neste contexto, os Títulos Sustentáveis são um novo e sofisticado instrumento financeiro”, disse Sergio Gusmão, presidente do BDMG.

“A primeira emissão deste tipo de papel por um banco público brasileiro, realizada pelo BDMG, certamente trará novas oportunidades para o financiamento de uma nova economia, mais sustentável e inclusiva. E, nesse processo, a parceria com o Grupo BID foi fundamental, tanto na preparação para a emissão desses títulos, quanto em sua aquisição”, destacou.

De acordo com o banco, em 2021, os recursos provenientes destes títulos deverão se transformar em linhas de crédito para projetos alinhados aos objetivos do desenvolvimento sustentável da ONU, beneficiando não apenas iniciativas ambientais, mas também iniciativas sociais.

“Ou seja, os Títulos Sustentáveis poderão financiar tanto projetos de eficiência energética, energia renovável ou gestão de resíduos, como também de saneamento, urbanização, saúde ou educação, por exemplo”, finalizou Gusmão.

Morgan Doyle, representante do Grupo BID no Brasil, ressaltou que esta é uma operação emblemática no âmbito do esforço da empresa em promover o mercado de títulos sustentáveis no Brasil.

“Parece-nos proveitoso aproveitar a exigência crescente dos investidores com relação ao bom uso dos seus recursos, objetivando mobilizar capital para investimentos estratégicos para o desenvolvimento do país”, comentou.

Imagem de Mateus Badra
Mateus Badra
Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como produtor, repórter e apresentador na TV Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

Receba as últimas notícias

Assine nosso boletim informativo semanal