17 de abril de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 13,1GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 28,5GW

Bandidos com uniforme de empresa de energia solar assaltam fazenda em MG

Criminosos mantiveram casal amarrado e trancado em banheiro da propriedade durante o crime

Autor: 19 de junho de 2023junho 21st, 2023Brasil
1 minutos de leitura
Bandidos com uniforme de empresa de energia solar assaltam fazenda em MG

A Polícia Militar segue em busca dos criminosos. Foto: 11° Batalhão - Jaíba (MG)

Nesta segunda-feira (19), a Polícia Militar registrou um assalto em uma fazenda localizada no município de Jaíba (MG). Segundo a vítima, caseiro que trabalha na propriedade, os criminosos chegaram vestidos com uniformes de uma empresa de energia solar e o chamaram na porteira.

Ao ir atendê-los, o renderam e apontaram espingardas em sua direção. Em seguida, entraram na residência e também renderam sua esposa. Ainda conforme o homem, de 72 anos, ambos foram amarrados com fios e mantidos trancados em um banheiro.

Os assaltantes também colocaram uma geladeira na porta do cômodo com o objetivo de evitar uma possível fuga das vítimas. De acordo com a Polícia Militar, a dupla estava em busca de dinheiro, mas quando nenhuma quantia foi encontrada, fugiram levando ferramentas, alimentos, caixas de cerveja e uma moto.

As vítimas conseguiram escapar algumas horas depois e pediram ajuda em uma fazenda vizinha. O casal não conseguiu identificar os bandidos e nem soube repassar nenhuma característica deles. A Polícia Militar segue em busca dos criminosos.

Stella Miranda

Stella Miranda

Produtora do Canal Responde e do Solar em 60. Possui experiência em produção de podcast, elaboração de matérias jornalísticas, entrevistas e produção para rádio. Graduanda em Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.