25 de fevereiro de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,8GW

BNDES aprova financiamento de R$ 75 milhões para Comerc

Valor será destinado para implantação de soluções em eficiência energética para indústria e varejo

Autor: 19 de janeiro de 2024Financiamento
3 minutos de leitura
BNDES aprova financiamento de R$ 75 milhões para Comerc

Foto: BNDES/Reprodução

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) aprovou um financiamento de R$ 75 milhões à Comerc Eficiência, empresa do Grupo Comerc Energia e que atua com diagnóstico e oferta de soluções de eficiência energética. 

A operação vai permitir que a companhia promova maior eficiência energética junto a seus clientes, que devem obter reduções no consumo de energia de até 79%, gerando uma economia total estimada de até 66 GWh ao ano.

Marcel Haratz, diretor da Comerc Eficiência, explica que a companhia vem buscando ampliar seus projetos em eficiência energética, em segmentos como hidrogênio verde, telemetria e automação. 

“Esse financiamento nos traz a possibilidade de seguirmos oferecendo projetos de eficiência energética de forma ainda mais competitiva para os nossos clientes, do ponto de vista financeiro, assegurando a solidez necessária para seguirmos com o nosso pipeline robusto, com mais de 100 projetos em negociação”, disse ele. 

Os projetos apoiados pelo BNDES no âmbito da operação abrangem a implantação de soluções em eficiência energética para dez empreendimentos nos setores industrial e de varejo, assim como de utilidades em um edifício comercial. 

Dos R$ 75 milhões financiados, cerca de R$ 27 milhões serão viabilizados com recursos do Fundo Clima, que tem como um de seus focos ações voltadas a promover a eficiência energética para sustentabilidade das cidades.

Além dos ganhos em eficiência energética, o apoio à Comerc Eficiência contribuirá para evitar emissões de gases de efeito estufa de até 59 mil toneladas de CO2.

Descarbonização

Segundo dados da EPE (Empresa de Pesquisa Energética), o setor industrial responde hoje por mais de 30% do consumo final de energia e quase 40% da eletricidade consumida no Brasil, o que o torna prioritário para políticas públicas de eficiência energética.

Já o setor de serviços representa cerca de um quarto da eletricidade demandada, devido a iluminação, refrigeração e força motriz. 

Fundo Clima

Vinculado ao Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima, o Fundo Clima foi criado em 2009 e é administrado pelo BNDES, que atua como gestor na aplicação dos recursos reembolsáveis.

Atualmente, o Fundo tem carteira de mais de R$ 2 bilhões em crédito já contratado pelo BNDES. 


Todo o conteúdo do Canal Solar é resguardado pela lei de direitos autorais, e fica expressamente proibida a reprodução parcial ou total deste site em qualquer meio. Caso tenha interesse em colaborar ou reutilizar parte do nosso material, solicitamos que entre em contato através do e-mail: [email protected].

Henrique Hein

Henrique Hein

Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como repórter do Jornal Correio Popular e da Rádio Trianon. Acompanha o setor elétrico brasileiro pelo Canal Solar desde fevereiro de 2021, possuindo experiência na mediação de lives e na produção de reportagens e conteúdos audiovisuais.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.