29 de fevereiro de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,9GW

Módulos da JA Solar obtêm certificação em teste de túnel de vento da TÜV NORD

Série DeepBlue 4.0 Pro da empresa apresentou ainda um rendimento energético adicional de aproximadamente 3,9%

Autor: 17 de janeiro de 2024Tecnologia e P&D
3 minutos de leitura
Módulos da JA Solar obtêm certificação em teste de túnel de vento da TÜV NORD

Certificação recebida pela empresa durante evento. Imagem: JA Solar/Reprodução

A JA Solar anunciou que os módulos DeepBlue 4.0 Pro obtiveram certificação no teste de túnel de vento de alta velocidade realizado pela TÜV NORD, o que mostra, segundo a empresa, a excepcional resistência às intempéries, especialmente em regiões propensas a furacões, como áreas de alta altitude e offshore – no qual a energia é obtida através da força do vento em alto-mar.

“A TÜV NORD é a primeira agência de testes a introduzir e realizar uma certificação em túnel de vento para painéis. O padrão abrangente sob condições extremas estabelece uma referência elevada na indústria, detalhando os requisitos técnicos para módulos e seus componentes durante fortes furacões”, destacou a fabricante.

“O DeepBlue 4.0 Pro está na vanguarda da inovação, utilizando wafers de silício retangulares combinados com tecnologias de ponta. Isso inclui a tecnologia de células Bycium+ N-Type de alta eficiência e técnicas avançadas de empacotamento de alta densidade”, ressaltaram.

De acordo com a empresa, a versão de 72 células possui uma potência de 635 W, tornando o produto mais poderoso da série de 182mm. Além disso, enfatizaram que a linha de módulos apresenta vários recursos aprimorados, como menor degradação de energia e maior fator de bifacialidade, bem como coeficiente de temperatura de energia superior e melhor desempenho em condições de pouca luz.

“Esses avanços garantem maior rendimento energético em condições climáticas desafiadoras. Com base nos dados de um teste de campo de um ano lançado pela JA Solar e pela TÜV NORD em Yinchuan, os módulos N-Type demonstraram um rendimento energético adicional de aproximadamente 3,9%”, relataram.

Ademais, os painéis DeepBlue 4.0 Pro da companhia oferecem uma vantagem com sua menor tensão de circuito aberto devido ao menor número de células, o que minimiza o risco de pontos quentes.

Este design também permite um maior número de módulos por string, reduzindo assim os custos de BOS (Balance of System) e o LCOE (Levelized Cost of Energy). “Isso se traduz em maior valor para os clientes, reforçando o compromisso da JA em fornecer soluções fotovoltaicas inovadoras e de alta qualidade”, concluíram.


Todo o conteúdo do Canal Solar é resguardado pela lei de direitos autorais, e fica expressamente proibida a reprodução parcial ou total deste site em qualquer meio. Caso tenha interesse em colaborar ou reutilizar parte do nosso material, solicitamos que entre em contato através do e-mail: [email protected].

Mateus Badra

Mateus Badra

Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como produtor, repórter e apresentador na TV Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020. Atualmente, é Analista de Comunicação Sênior do Canal Solar e possui experiência na cobertura de eventos internacionais.

Um comentário

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.