4 de março de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,9GW

Tokio Marine lança serviços de limpeza e descarte de painéis fotovoltaicos

Seguradora se responsabiliza pela manutenção dos equipamentos solares, bem como garante um destino correto aos resíduos gerados

Autor: 31 de outubro de 2023Mercado
2 minutos de leitura
Tokio Marine lança serviços de limpeza e descarte de painéis fotovoltaicos

Foto: Freepik

A Tokio Marine lançou um serviço que inclui a limpeza e a garantia de descarte de painéis fotovoltaicos na compra de produtos da linha RG Placa Solar e Empresarial. A seguradora se responsabiliza pela manutenção dos equipamentos solares, bem como garante um destino correto aos resíduos gerados.

Ao fazer a contratação, o cliente terá à disposição os serviços de limpeza de placas solares; identificação de falhas (pontos quentes e painéis danificados); identificação de micro rachaduras, trincas ou danos na superfície; descarte ecológico (entulhos, restos de obras, mobiliários, eletrodomésticos, caixa de documentos, uniformes) e consultoria ambiental.

Segundo Sidney Cezarino, diretor de Seguros Patrimoniais da Tokio Marine, a empresa está atenta às oportunidades de negócios no setor de energia renovável.

“Este lançamento, além de mostrar o quanto estamos atentos ao potencial de negócios do mercado de energia renovável, responde a pontos relevantes que estão em debate, como o problema ambiental causado pelo descarte das placas solares”, disse o executivo por meio de nota.

“Este é um ponto importante, uma vez que os equipamentos – ou parte deles – que não serão mais usados precisam ser destinados de forma ecológica. Nosso serviço resolve esta questão ao fazer a logística reversa das placas solares”, complementou.

O mercado fotovoltaico segue em crescimento no país, apesar de um primeiro semestre desafiador por conta da redução nas vendas. No entanto, o mercado voltou a se aquecer nos últimos meses, o que deixa os empreendedores otimistas.

No início de outubro, a energia solar totalizava 34,3 GW de potência no Brasil, somando a geração distribuída e centralizada. De acordo a ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar), a fonte já é a segunda mais importante do país, representando 15,6% da matriz elétrica.

Wagner Freire

Wagner Freire

Wagner Freire é jornalista graduado pela FMU. Atuou como repórter no Jornal da Energia, Canal Energia e Agência Estado. Cobre o setor elétrico desde 2011. Possui experiência na cobertura de eventos, como leilões de energia, convenções, palestras, feiras, congressos e seminários.

2 comentários

  • wiliston buback gaigher disse:

    bom dia
    Voces atende no Estado do Espírito santo.

  • Emerson Santana de Almeida disse:

    UÉ….O MERCADO É LIVRE, PORÉM QUANDO ESSA EMPRESA TEVE A VER COM O MEIO FV SOLAR NO BRASIL? AS PRÓPRIAS EMPRESAS QUE IMPLANTAM UM PARQUE SOLAR, JÁ TEM SUA EQUIPE TÉCNICA DE MANUTENÇÃO,E DE LOGÍSTICA REVERSA DE MÓDULOS SOLARES,POIS MUITO DO DESCARTE CORRETO DO MESMO, SE APROVEITA!! QUISA,INVESTIR EM AQUISIÇÃO DE ÁREAS,E MONTAR USINAS FV SOLAR,PARA O COMÉRCIO DE ENERGIA,SEJA ALGO MAIS PALPÁVEL E GARANTIDO!

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.