1 de julho de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5.09GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 11,3W

ANEEL publica critérios para adição de renováveis em sistemas isolados

Segundo a Análise de Impacto Regulatório, a energia solar fotovoltaica é a mais adequada

Autor: 10 de janeiro de 2022junho 1st, 2022Brasil
ANEEL publica critérios para adição de renováveis em sistemas isolados

Para as usinas fotovoltaicas adicionadas às usinas termelétricas, agora existe regra específica. Foto: Elements.

A ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) publicou a Resolução 961 (Resolução Normativa  n.º 961/2021), estabelecendo os critérios para a adição de fontes renováveis e sistemas de armazenamento em usinas a diesel nos sistemas isolados.

De acordo com a AIR (Análise de Impacto Regulatório), a energia solar fotovoltaica é a fonte renovável mais adequada para o processo de adição a esses sistemas.

“Antes desta resolução, a possibilidade de adicionar unidades geradoras de fonte renovável aos sistema isolados era analisada caso a caso, sem haver uma regra objetiva, com a divisão dos benefícios alcançados com a combinação de fontes a estes sistemas”, esclarece Einar Tribuci, sócio do Tribuci Advogados e diretor jurídico e tributário da ABGD (Associação Brasileira de Geração Distribuída).

Segundo Tribuci, a nova regra estabelece que para os CCESI (Contratos de Comercialização de Energia Elétrica e Potência nos Sistemas Isolados) com prazo remanescente superior a cinco anos – que a central geradora ainda não utilize unidades geradoras de fonte renovável – a redução das parcelas que compõem o preço de referência até o fim do contrato será de 30%, em relação ao benefício estimado. 

Já para as usinas fotovoltaicas adicionadas às usinas termelétricas, agora existe regra específica, conforme explica o especialista. “Ela computará como benefício estimado o custo evitado com o uso de combustível, menos o custo unitário da energia fotovoltaica, multiplicado pela estimativa de produção de energia renovável, dividido pelo montante de energia requerido no CCESI relacionado”, contabiliza.

A REN 961/2021 também traz uma tabela anexa que contempla o custo da energia fotovoltaica (R$/MWh) por faixa de potência e pela quantidade de anos remanescentes do CCESI. Confira abaixo:

Custos da energia fotovoltaica por faixa de potência e pela quantidade de anos remanescentes do CCESI

Para Tribuci, a medida deve atingir seu objetivo possibilitando a adição de unidades geradoras de fonte renovável aos sistemas isolados. “Principalmente a fotovoltaica, impactando, assim, na diminuição do custo da CDE (Conta de Desenvolvimento Energético) para todos os consumidores”.

Aline Guevara

Aline Guevara

Atuou como repórter para a VEJA Campinas, a editora Top.co e a revista Viva Saúde. Possui experiência como apresentadora, produção de vídeo, entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Acompanha o mercado fotovoltaico desde 2021. Jornalista graduada pela PUC-Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.