23 de abril de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 13,4GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 28,6GW

Complexo Solar de Caldeirão Grande é inaugurado no Piauí

Usina FV conta com capacidade instalada de 252 MW e já opera com 100% da sua capacidade comercial

Autor: 18 de abril de 2023maio 22nd, 2023Brasil
2 minutos de leitura
Complexo Solar de Caldeirão Grande é inaugurado no Piauí

Complexo Solar Caldeirão Grande. Foto: Divulgação

O Governo do Piauí inaugurou oficialmente, nesta terça-feira (18), o Complexo Solar de Caldeirão Grande 2, da IBITU Energia, no interior do Estado. O complexo conta com 252 MW de capacidade instalada e já opera com 100% da sua capacidade comercial. 

A inauguração representa um aumento de 28% na capacidade instalada do complexo da IBITU, que também conta com outras seis usinas em operação no local.

Ao todo, a geração do empreendimento é equivalente ao consumo de mais de 280 mil residenciais, o suficiente para evitar a emissão de 298 mil toneladas de CO2 por ano.

No entendimento do governador Rafael Fonteles (PT), o novo parque solar coloca o Piauí em uma condição de ainda mais destaque na produção de energia renovável e sustentável.

Atualmente, o estado é o segundo do país (atrás apenas de Minas Gerais) com o maior potência operacional por usinas de geração centralizada, segundo a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).

“A energia solar e a eólica são um potencial natural do Piauí, e esse empreendimento gera progresso a partir de toda a cadeia de produção. Portanto, é um projeto que agrega muito valor e desenvolvimento socioeconômico para o Piauí”, comentou.

Estados com maior volume de potência operacional em GC:

Fonte: ANEEL

Ao longo do processo, a obra chegou a ter quase mil pessoas trabalhando simultaneamente, sendo que 60% eram de Caldeirão Grande e das cidades próximas.

Além disso, uma das etapas de pré-montagem dos trackers contou com 100% de mão de obra feminina, por meio da contratação de mulheres da região.

Ao todo, a IBITU Energia informou que investiu no projeto cerca de R$ 816 milhões, sendo R$429 milhões financiados pelo BNB (Banco do Nordeste).

A empresa destaca que o empreendimento inaugurado nesta terça-feira (18), além do benefício ambiental, também garantirá um maior desenvolvimento social e econômico da região do semiárido do Piauí. 

Henrique Hein

Henrique Hein

Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como repórter do Jornal Correio Popular e da Rádio Trianon. Acompanha o setor elétrico brasileiro pelo Canal Solar desde fevereiro de 2021, possuindo experiência na mediação de lives e na produção de reportagens e conteúdos audiovisuais.

Um comentário

  • Cid Rodrigues de França disse:

    Muito bom saber que o nosso estado do Piauí é uma potência em energia renovável.
    Fico orgulhoso em saber que estamos muito a frente de estados como São Paulo.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.