5 de julho de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5.09GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 11,3W

Especialistas destacam importância da integração do diesel com solar

Profissionais do setor elétrico debatem tema durante webinário promovido pelo Canal Solar

Autor: 17 de junho de 2021novembro 25th, 2021Brasil
Especialistas destacam importância da integração do diesel com solar

Muitos clientes estão apostando na solução híbrida

Devido ao atual preço elevado, vale a pena ter o gerador a diesel? Essa pergunta, ultimamente, tem gerado algumas reflexões para quem atua no mercado fotovoltaico. 

Como resposta, muitos clientes estão apostando em uma solução híbrida: diesel + solar, que traz benefícios econômicos e ambientais para o empreendimento.

Esta é a análise de especialistas do setor que, durante participação no webinário promovido pelo Canal Solar na última terça-feira (15), destacaram a importância da integração dessas duas fontes e elencaram os motivos para a realização de tal investimento.

Saiba mais: Brasil recebe o 1º pivô do mundo acionado exclusivamente por energia solar

“Um MWh de energia com gerador a diesel está custando, por baixo, R$ 800. Ou seja, tarifa de 80 centavos por kWh. Porém, pode chegar a muito mais, em torno de R$ 1,20, R$ 1,30 –​ mais alto, inclusive, que tarifas de muitas distribuidoras”, disse Mateus Vinturini, especialista em sistemas fotovoltaicos. 

“Normalmente, quem está com [um sistema a] diesel é porque era a única solução que tinha no passado. Mas hoje quem puder fazer o solar trabalhar com o diesel para, assim, conseguir economizar, faz muito sentido, dado o alto preço”, apontou.

“Portanto, se você instala solar para compensar uma conta de eletricidade que custa 90 centavos por kWh, consequentemente terá muito mais benefícios”, concluiu Vinturini. 

Saiba mais: Sistemas híbridos solar-diesel

Mauricio Ritter, que trabalha no suporte técnico da SolarEdge, também comentou sobre o assunto e lembrou os outros custos que o diesel tem, como as despesas com transporte e manutenção. 

“Por que integrar então um sistema fotovoltaico com geradores a diesel? Primeiro, para reduzir o consumo de combustível, bem como os custos operacionais e ter uma segurança contra aumento do valor do combustível”, enfatizou, acrescentando que o diesel pode ser integrado ainda com outras fontes de energia renovável. 

Aplicações do gerador a diesel 

Outro ponto ressaltado por Ritter ao longo do webinário é sobre as aplicações do gerador a diesel, que podem ser divididas em duas categorias principais: “uma é o back-up, ou seja, utilizado esporadicamente em situações de falha da rede elétrica”.

“Qual a recomendação para esse caso? Quando você usa só de forma esporádica, recomendamos desconectar o inversor quando o gerador entrar em operação”, explicou.  

“Agora, se for um caso de otimização de custos, utilizado diariamente ou com muita frequência, a sugestão é realizar o gerenciamento de geração do inversor”, finalizou o especialista. 

Mateus Badra

Mateus Badra

Atuou como produtor, repórter e apresentador na Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro há mais de dois anos, atuando nas editorias de Mercado e Tendências, Mobilidade Urbana, P&D e Equipamentos. Jornalista graduado pela PUC-Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.