9 de maio de 2021

Carrinho

Furnas desenvolve projeto de energia a partir de sistema solar heliotérmico

Iniciativa faz parte de um projeto de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação que conta com R$ 7,5 milhões de investimentos

Autor: 18 de março de 2021Brasil
Furnas desenvolve projeto de energia a partir de sistema solar heliotérmico

A Eletrobras Furnas está desenvolvendo em seu Centro Tecnológico de Engenharia Civil, localizado em Aparecida de Goiânia (GO), um estudo inédito no Brasil para geração de energia elétrica a partir de sistema solar heliotérmico.

A iniciativa faz parte de um projeto de P&D e Inovação da empresa que conta com investimento de R$ 7,5 milhões. O principal objetivo é desenvolver o primeiro coletor heliotérmico do país a partir da construir uma usina termossolar para geração de 1 MW de energia elétrica. 

A energia termossolar funciona por meio de espelhos parabólicos que refletem a luz do sol e concentram calor em um único ponto. A energia acumulada é usada para aquecer um fluido e o vapor movimenta as turbinas, acionando assim o gerador que produzirá a energia elétrica.

“Neste primeiro momento, vamos desenvolver um coletor nacional para geração termossolar do tipo calha cilindro-parabólica. Com os testes, verificaremos a viabilidade da implantação desse sistema em larga escala e comercialização para outras empresas do setor”, explica Renato Cabral, gerente do Centro Tecnológico de Engenharia Civil de Furnas.

O estudo é fruto de uma parceria da empresa com a Eudora Energia, uma entidade que desenvolve tecnologia na área de energias renováveis e eficiência energética. O projeto ainda conta com a participação do Cepel (Centro de Pesquisas de Energia Elétrica) da Eletrobras.

O coletor termossolar, também chamado de SCE (Solar Collector Element), é formado pelos seguintes itens: espelho cilindro-parabólico, tubo absorvedor, juntas, conexões, sistema de rastreamento (tracker) e Estrutura de sustentação. 

“Os protótipos serão construídos entre maio e novembro de 2021 e a nossa expectativa é que, já no início do ano que vem, começaremos a fase de testes”, disse Moacir Andrade, engenheiro de Furnas e coordenador do projeto. 

 

Henrique Hein

Henrique Hein

Jornalista graduado pela PUC-Campinas, com experiência em reportagem diária e produção de conteúdo em mídias: impressa, online, rádio e televisiva.

Um comentário

Comentar