25 de janeiro de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.63GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 8,81GW

GE aposta no mercado brasileiro e lança linha de inversores

O Brasil foi escolhido para ser um dos primeiros países a lançar a marca GE de inversores string

Autor: 21 de outubro de 2020outubro 28th, 2020Brasil

O Brasil foi o segundo país a receber o lançamento do novo portfólio de inversores string da GE Inversores. Segundo a marca, fruto de um contrato de licenciamento global entre a GoodWe e a GE, os equipamentos estarão disponíveis no mercado fotovoltaico brasileiro no começo de 2021.

Ao total, são 13 equipamentos divididos em três linhas: a GEP 3.6-5 kW, a GEP 7-9 kW e a GEP 12-60 kW.A primeira e a segunda linha compõem equipamentos monofásicos, enquanto a segunda possui inversores trifásicos.

“O Brasil foi escolhido para ser um dos primeiros países a lançar a marca GE de inversores string em virtude de sua expansão na indústria solar e interesse em tecnologias mais avançadas e sofisticadas. Os inversores desenvolvidos para o mercado brasileiro combinam inovação tecnológica, segurança e eficiência com componentes tecnológicos avançados integrados a um design impecável. A GE Inversores moldará o presente para fornecer o futuro da energia inteligente”, destacou Sérgio Carvalho, Country Manager da GoodWe.

Segundo a GE Inversores, a linha GEP 3.6-5kW, que conta com inversores compactos com 2 MPPTs, é capaz de um sobredimensionamento de até 50% e eficiência máxima de 98,3%. Além disso, tem corrente máxima de entrada por string de até 13 A, sendo compatível com diferentes tipos de painéis solares, incluindo os bifaciais.

Já a linha GEP 7-9kW possui 3 MPPTs, com uma tensão de partida de 80 V. Os inversores foram projetados para aproveitar a energia solar, desde o nascer até o pôr do sol, independentemente da irradiação e das condições climáticas.

Ainda de acordo com a marca, a linha GEP 12-60kW é direcionada ao segmento C&I (Comércio e Indústria), com até 6 MPPTs. Os inversores desta linha possuem diagnóstico de curva I-V incorporado, capacitor de filme e design sem fusível, função anti-PID opcional, proteção contra surtos Tipo II no lado CC (Tipo I opcional) e detecção de temperatura do terminal CA.

O evento foi restrito a 20 convidados, entre eles, Rodrigo Sauaia, presidente da ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), Carlos Evangelista, presidente da ABGD (Associação Brasileira de Geração Distribuída) e o diretor-executivo do Canal Solar, Bruno Kikumoto. Além disso, o lançamento foi transmitido ao vivo pela internet.

Distribuidores

Os inversores serão distribuídos no mercado brasileiro pela Sices e pela Fotus Energia. “A Sices mais uma vez confirma seu DNA de inovação e qualidade, sempre preocupada com a qualidade da tecnologia dos equipamentos que traz para o Brasil e oferta para seus clientes. Estamos apostando muito nesta parceria que amplia ainda mais o nosso leque de produtos de alta qualidade. A GE vem com mais uma linha para complementar nosso portfólio, com soluções inovadoras, com tecnologia que trará ainda mais eficiência e soluções cada vez melhores para nossos clientes”, destacou Lucas Troia, diretor de Novos Negócios da Sices.

“Já temos a parceria com a GoodWe há muito tempo e agora vamos introduzir os equipamentos da GE em um mercado que a Fotus ainda não atinge, que é um nicho mais premium, onde tem mais valor agregado no inversor”, comentou José João diretor-executivo da Fotus Energia.

Ericka Araújo

Ericka Araújo

Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico. Possui experiência em produção de podcast, programas de entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Em 2019, recebeu o Prêmio Jornalista Tropical 2019 pela SBMT (Sociedade Brasileira de Medicina Tropical) e o Prêmio FEAC de Jornalismo. Já atuou como repórter e apresentadora da Rádio Brasil Campinas. Formada pela PUC Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.