25 de janeiro de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.63GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 8,81GW

Importação de módulos cresce 30% nos primeiros 10 meses de 2020

De acordo com a Greener, empresa de consultoria e pesquisa especializada no setor, o volume atingiu 3,8 GW

Autor: 11 de dezembro de 2020Brasil
Importação de módulos cresce 30% nos primeiros 10 meses de 2020

O volume de importações de módulos fotovoltaicos nos 10 primeiros meses de 2020 atingiu 3,8 GW, uma alta de quase 30% frente aos 3 GW registrados no mesmo período do ano passado. É o que mostrou o relatório divulgado pela Greener, empresa de consultoria e pesquisa especializada no setor.

A consultoria apontou ainda que a entrada de painéis solares em outubro foi de 386 MWp, com grande participação dos painéis bifaciais atendendo principalmente os projetos de GC (geração centralizada).

“Apesar de todo este cenário de pandemia e incertezas que vivemos em 2020, o volume de módulos importados até outubro desta ano apresentou um crescimento, devido ao alto volume que tivemos principalmente nos primeiros meses do ano. Isso não quer dizer, porém, que a cadeia não tenha sido impactada, ela foi”, afirmou Elisabeth Ovando, consultora responsável pela área de inteligência de mercado da Greener.

“O que acontece é que a fortíssima aceleração no volume importado em 2019 se deu em seu último trimestre. Mais de 40% do total importado no ano passado se deu apenas neste período. Quando comparamos apenas os dados de outubro dos dois anos, já vemos que o volume de módulos em 2020 foi inferior ao de 2019, e em novembro e dezembro provavelmente serão também, de forma que 2020 feche em volumes aproximados ao total observado no ano anterior, que foi em torno 4,1 GWp”, explicou  a especialista.

Importação de inversores

Em outubro deste ano, o volume de importações de inversores fotovoltaicos foi 26% inferior em relação ao mesmo período do ano anterior. No entanto, considerando janeiro e outubro de 2020, o volume supera em 55% o total importado no mesmo período em 2019.

A Greener apontou ainda que os inversores de potência superior a 50 kW representaram 46% de todo o volume importado em outubro. Apesar de não ter havido entrada de inversores centrais neste mês, uma parte pode ter sido destinada a empreendimentos de GC.

Módulos PERC assumem liderança no Brasil

Pela primeira vez, o volume de módulos com a tecnologia PERC ultrapassou os módulos Standard. As tecnologias mono e poli PERC representaram 54% de todo o montante importado no primeiro trimestre de 2020, segundo a Greener.

WIN_banner_Canal_Solar01_02
Mateus Badra

Mateus Badra

Atuou como produtor, repórter e apresentador na Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro há mais de um ano, atuando nas editorias de Mercado e Tendências, Mobilidade Urbana, P&D e Equipamentos. Jornalista graduado pela PUC-Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.