2 de dezembro de 2021
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.47GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 7,33GW

MG ultrapassa 2 GW em produção de energia fotovoltaica

Estado representa 18,4% da potência instalada de GD no Brasil e 14,8% do total de GC

Autor: 19 de novembro de 2021novembro 22nd, 2021Brasil
MG ultrapassa 2 GW em produção de energia fotovoltaica

Foram também R$ 9,9 bilhões em investimentos e 60 mil empregos gerados desde 2012

O estado de Minas Gerais alcançou o marco de 2 GW em produção de energia solar, somando a potência instalada de GC (geração centralizada) e GD (geração distribuída).

De acordo com o mapeamento da ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), o território mineiro conta com 1.377 MW do total de GD do país, representando 18,4% de toda a potência instalada de geração distribuída no Brasil.

Por enquanto, o estado é o único do Brasil que superou 1 GW em produção de GD. A energia fotovoltaica em pequenos e médios sistemas de geração própria em telhados, fachadas e terrenos em Minas Gerais está espalhada por 847 cidades, aproximadamente 99,3% dos seus municípios.

Leia mais: Estados de SP e RS se aproximam de 1 GW de potência instalada em GD solar

Já a potência instalada de GC no estado mineiro corresponde a 635,4 MW, representando 14,8% das usinas solares de geração centralizada do país.

Ainda segundo os dados da ABSOLAR, o marco foi acompanhado também de outras duas conquistas: já são mais de R$ 9,9 bilhões em investimentos, 60 mil empregos gerados e a arrecadação de mais de R$ 2,5 bilhões aos cofres públicos desde 2012.

“O estado de Minas Gerais é referência no desenvolvimento da energia solar no Brasil. A tecnologia fotovoltaica representa um enorme potencial de geração de emprego e renda, atração de investimentos privados e colaboração no combate às mudanças climáticas”, comenta Bruno Catta Preta, coordenador estadual da ABSOLAR em Minas Gerais.

Para o presidente executivo da ABSOLAR, Rodrigo Sauaia, a energia solar é parte da solução para que o Brasil e Minas Gerais recuperem a sua economia com competitividade e sustentabilidade.

“Graças à versatilidade e agilidade da tecnologia solar, basta um dia de instalação para transformar uma residência ou empresa em uma pequena usina geradora de eletricidade limpa, renovável e acessível”, explica.

Sauaia também reforça a importância da energia solar para a população e empresas brasileiras se protegerem dos grandes aumentos na conta de luz.

“As usinas solares de grande porte geram eletricidade a preços até dez vezes menores do que as termelétricas fósseis emergenciais ou a energia elétrica importada de países vizinhos atualmente, duas das principais responsáveis pelo aumento tarifário sobre os consumidores e pela inflação elevada de 2021”, completa.

Aline Guevara

Aline Guevara

Atuou como repórter para a VEJA Campinas, a editora Top.co e a revista Viva Saúde. Possui experiência como apresentadora, produção de vídeo, entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Acompanha o mercado fotovoltaico desde 2021. Jornalista graduada pela PUC-Campinas.

Comentar