28 de janeiro de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.63GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 8,84GW

Projetos de SP, RJ e MG vencem Grand Prix promovido pela Genyx e IBM

A Genyx, distribuidora de equipamentos fotovoltaicos, propôs um desafio durante o Inova SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), realizado no fim de novembro. A competição integrou o Grand Prix. A disputa envolveu 50 equipes,…

Autor: 17 de dezembro de 2020novembro 19th, 2021Brasil
Projetos de SP, RJ e MG vencem Grand Prix promovido pela Genyx e IBM

Imagem: Genyx/reprodução

A Genyx, distribuidora de equipamentos fotovoltaicos, propôs um desafio durante o Inova SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), realizado no fim de novembro. A competição integrou o Grand Prix. A disputa envolveu 50 equipes, que tiveram 20 horas para desenvolver um protótipo para os desafios propostos pela Genyx e pela IBM.

Desafio Genyx

O desafio proposto pela Genyx era projetar a implementação de uma infraestrutura de fonte renovável para veículos elétricos com inversores SolarEdge.  A primeira colocada foi a Escuderia de São Paulo, seguida pela Escuderia do Rio de Janeiro. A Escuderia de Minas Gerais ficou em terceiro lugar. O projeto vencedor da Escudaria de SP propôs a comercialização de postos de recarga de postos de recarga para carros elétricos baseados em tecnologia Solar Edge como uma segmentação premium de shoppings, mercados, condomínios e universidades. O abastecimento seria feito em locais em que os clientes contam com estacionamento protegido e permanecem mais de 30 minutos. O diferencial da proposta está no leasing dos inversores combinados em contratos de três anos, e sua venda ao mercado secundário ao final da vigência dos contratos para disseminação da tecnologia fora do mercado premium no médio e longo prazo. Além de permitir uma previsibilidade de fluxo de caixa e a fidelização dos clientes aos serviços de manutenção periódica e limpeza no curto prazo.   Já a proposta apresentada pela Escuderia do Rio de Janeiro consiste em um modelo que proporciona aos investidores optar por planos que se adéquam ao consumo de KWh da residência.   No projeto, o proprietário da residência entra em contato com a empresa e agenda uma visita técnica para avaliação quanto a viabilidade do local. Após aprovação, o cliente escolherá o kit que atenda seu perfil de consumo e realizará o investimento inicial para instalação. Em terceiro lugar, o projeto da Escuderia de Minas Gerais, se baseia na utilização da infraestrutura de captação de energia fotovoltaica residenciais e comerciais.  O abastecimento seria feito em centros comerciais que possuem estacionamento, como shoppings, farmácias, supermercados e universidades. A ideia é que o veículo seja abastecido enquanto está estacionado nesses locais.   Todos os projetos apresentados no evento do SENAI podem ser acessados clicando aqui. 

Giuliana Olivieri

Giuliana Olivieri

Atuou como produtora de programa de entrevista na Rádio Brasil Campinas, além de elaboração de reportagens diárias, edição de áudio e vídeo. Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico, cobrindo a editoria de Mercado e Negócios. Graduanda em Jornalismo na PUC Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.