Time de futsal aposta em solar e instala painéis em ginásio

A Associação Carlos Barbosa de Futsal irá economizar R$ 60 mil por ano na conta de luz
21-01-2021-canal-solar-Time de futsal aposta em solar e instala painéis em ginásio

Depois do Atlético Mineiro apostar em um projeto sustentável e construir uma usina solar para abastecer as estruturas do clube, chegou a vez de mais um time de futebol investir em energia fotovoltaica.

A ACBF (Associação Carlos Barbosa de Futsal) anunciou que instalou, no Centro Municipal de Eventos Sérgio Luiz Guerra, durante o período de férias dos jogadores, 201 painéis solares. Segundo o clube, a instalação irá proporcionar uma economia de cerca de 95% por mês com despesas na conta de luz.

“Por ano, iremos economizar R$ 60 mil. Se comparar já no primeiro mês teremos uma redução e já pagaremos o valor que investimos nas placas. O custo-benefício é muito bom”, disse Fabiano Käfer, presidente da ACBF.

Segundo Douglas Ferrari, sócio da Dolari, empresa responsável pela instalação do equipamento no teto do ginásio, os módulos, de 335Wp, formam as letras da ACBF e foram construídos em três dias.

“O ginásio conta com iluminação LED. No entanto, todos os dias as luzes são ligadas das 8h até às 22h em função dos treinos das equipes e das escolas de futsal da ACBF. Ademais, têm os chuveiros dos vestiários que elevam o consumo. Por isso, a instalação dos painéis fotovoltaicos tornou-se tão importante para o clube do ponto de vista sustentável e econômico”, destacou Käfer.

“Estamos tornando a edificação mais sustentável e também, claro, preservando o meio ambiente. No futuro vamos pensar na questão do aproveitamento da água da chuva. É o próximo passo que podemos dar na questão da sustentabilidade”, concluiu. 

Imagem de Mateus Badra
Mateus Badra
Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como produtor, repórter e apresentador na TV Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

Receba as últimas notícias

Assine nosso boletim informativo semanal