27 de maio de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5.02GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 10,7W

Win propõe triplicar vendas de kits fotovoltaicos em 2022

A distribuidora de kits fotovoltaicos busca atingir cerca de 300 MW comercializados neste ano

Autor: 9 de março de 2022março 28th, 2022Notícias
Win propõe triplicar vendas de kits fotovoltaicos em 2022

Foram 5,5 mil projetos os últimos 12 meses, Foto: Solar Power Energy/Reprodução

A Win, distribuidora de equipamentos fotovoltaicos pertencente ao Grupo All Nations, espera triplicar o volume de vendas este ano de 2022 em comparação com o resultado obtido em 2021 e chegar a um montante de 300 MW em kits solares comercializados este ano no País. 

Nos últimos 12 meses, foram 5,5 mil projetos vendidos pela companhia em residências, comércios, indústrias e propriedades rurais no País, o equivalente a mais de 200 mil painéis fotovoltaicos.

Com sede no Rio de Janeiro, a companhia aposta em trazer ao mercado nacional geradores mais potentes este ano, como por exemplo, os módulos de 605 W. Além de possuírem um baixo Voc de 41,7 V, o que permite os projetos trabalharem com strings maiores, o módulo dilui melhor os custos de cabos, conectores, dispositivos de proteção, entre outros.

O Rio de Janeiro ocupa o 5º lugar entre as cidades líderes em geração de Energia Solar. Segundo estudos da Greener, consultoria de projetos, a Win é atualmente uma das 15 distribuidoras mais lembradas pelo integrador, com investimento trimestral de R$80 milhões em estoque. Entre os primeiros semestres de 2020 e 2021, foi registrado um crescimento de 347%, se tornando Distribuidores Premium da topologia MPLE Hoymiles e a única distribuidora de inversores otimizados SolarEdge no Rio de Janeiro.

 O crescimento na demanda por novas tecnologias também é algo que a Win espera para 2022. Inversores híbridos, soluções com bateria para armazenamento energético, carregador de carro elétrico e novas opções de otimizadores para controle de consumo de energia são alguns dos novos projetos que podem alavancar o crescimento nas vendas.

Outra estratégia de negócio é ampliar a presença da equipe comercial nos estados brasileiros, justamente para reforçar a relação com as empresas de instalação e projetos espalhadas pelo País, chamadas de integradores. 

Para Camila Nascimento, Diretora Comercial e representante estadual do Rio de Janeiro na Absolar, esse crescimento se deve principalmente à organização capilar que foi adotada. “Focamos em administradores regionais que estudam o mercado e desenvolvem estratégias que atuam naquele mercado específico” e acrescenta: “Tentamos nos aproximar dos clientes de formas específicas, entendendo suas preferências de produto e o nicho que se encontram”, diz Camila.

Outro fator de sucesso do crescimento da Win é o investimento em estoque para atender os prazos na crescente demanda por projetos de energia solar em residências e empresas. Os recursos injetados pela companhia foram seis vezes maiores ao longo de 2021 e a perspectiva é manter em alta a disponibilidade de equipamentos para abastecer as empresas integradoras.

Segundo Camila, a demanda por projetos solares em residências é maior que por empresas, e diz que isso se deve a fatores como falta de espaço e um maior entendimento sobre as vantagens que a energia solar pode trazer para o dia a dia. “Residencial é disparado. 60% do volume da demanda corresponde a projetos residenciais”.

Stella Miranda

Stella Miranda

Possui experiência em produção de podcast, elaboração de matérias jornalísticas, entrevistas e produção para rádio. Graduanda em Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.