16 de agosto de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5,61GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 12,2W

A BYD virou distribuidora de sistemas fotovoltaicos?

Título um tanto instigante não? Mas no desenrolar desta conversa certamente fará sentido, não estranhe

Autor: 29 de junho de 2022Opinião
A BYD virou distribuidora de sistemas fotovoltaicos?

Tivemos uma semana muito especial, pois nos dias 22 e 23 a BYD Energy fez lançamento oficial de sua solução integrada para o mercado de Geração Distribuída.

Foram reunidos em Campinas (SP) os parceiros estratégicos, colaboradores, imprensa especializada, além da presidência e corpo de diretores da companhia. O momento foi um marco decisivo na história da BYD Energy do Brasil, resultado de uma estratégia formatada há quase dois anos e baseada principalmente nas diretrizes globais de soluções integradas para o mercado de energias renováveis.

Nesse sentido, vale recordarmos o histórico da BYD, uma empresa fundada em 1995 por Wang Chuanfu, um químico altamente renomado, que deixa o governo chinês em busca do sonho de levar a solução integrada de energia limpa e sustentável para todo o planeta.

Nasce assim, subsequente, os três sonhos verdes da BYD focados não somente na geração da energia limpa através dos módulos fotovoltaicos, mas também no armazenamento de energia através das baterias de lítio, distribuição desta energia de forma eficiente e consciente através da mobilidade elétrica.

Em termos de Brasil não é diferente. Chegamos em 2015 focados no processo de descarbonizarão e inauguramos nossa primeira fábrica de chassis de ônibus e caminhões elétricos.

Apenas dois anos depois, em 2017, já inauguramos nossa fábrica de módulos fotovoltaicos, ambas localizadas na cidade de Campinas (SP). Já em 2020, inauguramos nossa terceira fábrica no Brasil voltada a fabricação de baterias de lítio, em Manaus (AM).

Como a maior empresa de energia limpa do mundo com quase 300 mil colaboradores e mais de 40 mil engenheiros e pesquisadores, a BYD investe sempre em larga escala no Brasil e acredita que, em breve, o país será um dos maiores mercados de módulos do mundo.

Atualmente, já se encontra entre os 10 e logo estará entre os 5 em capacidade fotovoltaica instalada, contando com um crescimento muito significativo nas próximas três décadas, tanto no mercado comercial, residencial ou rural.

Neste sentido, uma marca que é referência no mercado como a BYD, busca o espaço que merece neste mercado, nem maior, nem menor. Sabemos da saturação do segmento fotovoltaico em alguns setores e os recorrentes questionamentos focados apenas em preço, colocando em segundo plano a qualidade, segurança e pós-venda de um projeto que deverá contar no mínimo, com 25 anos de vida útil.

Talvez alguns de vocês já tenham me ouvido defender que produto não é tudo igual. Também que nossa venda é sobre algo que acreditamos, é a história de uma marca reconhecida no mundo todo que deseja, ao final do dia, entregar uma solução completa e oferecer ao cliente uma identidade e apenas uma porta para bater.

Aqui, chego na cereja do bolo. Essa nova estratégia da BYD não visa atuar como um distribuidor de sistemas fotovoltaicos e sim, desenvolver parceiros estratégicos no mercado brasileiro visando levar as soluções integradas de energia renováveis focando na geração, armazenamento e distribuição através de equipamentos como módulos fotovoltaicos, conversores, baterias de lítio e veículos elétricos.

A BYD é a única empresa capaz de fornecer todas as soluções em uma única marca, enquanto fabricante que domina todas as fases desta cadeia produtiva.

Em um mercado tão grande e promissor como o mercado brasileiro de energias renováveis, onde o número de distribuidores e sub-distribuidores no mercado de GD, cresceram de forma exponencial nos últimos anos, inserindo em suas respectivas bases de clientes mais de 20 mil integradores, torna-se claro que a BYD, com suas parcerias estratégicas que somam menos de 1% deste total, não atuará como um distribuidor.

Contudo, faz-se necessário um olhar diferente de uma fabricante para este mercado, visando desenvolver parceiros que reconheçam valor na proposta de parceria da BYD, que por sua vez, vai muito além de gerar a energia limpa, mas também levar soluções de eficiência enérgica, onde o armazenamento e a distribuição exercem papéis fundamentais e certamente são pilares importantes quando se fala em eficiência energética.

Durante o período que estive na BYD China, consegui entender o que verdadeiramente significa esta marca e tudo o que ela acredita. Entender principalmente que a BYD não é uma empresa que oferece um produto isolado e sim uma marca focada na solução integrada de eficiência energética, fechando assim um ciclo energético sustentável que visa sempre levar a solução completa mais segura e eficiente ao cliente final.

Neste sentido, em mais de cinco anos na companhia, tão importante quanto as participações diretas na inauguração de algumas unidades fabris, desenvolvimento de novos produtos e soluções, parcerias estratégicas e iniciação da BYD do mercado de GD, posso afirmar que o desenvolvimento da solução integrada é a realização do grande sonho.

Marcelo Taborda

Marcelo Taborda

Diretor de Vendas da BYD Energy. Profissional com mais de 20 anos de experiência em empresas multinacionais, atuando nas áreas comercial, gerenciamento de projetos e desenvolvimento de novos negócios para Energia Solar e Sistema de Armazenamento de Energia (ESS) através da tecnologia de baterias de lítio.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.