25 de janeiro de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.63GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 8,81GW

Brasil tem mais de 400 mil unidades consumidoras com GD solar

A fonte fotovoltaica domina o segmento de GD (geração distribuída), com mais de 99% das instalações do país

Autor: 4 de novembro de 2020novembro 11th, 2020Brasil

O Brasil atingiu a marca de 400 mil UCs (unidades consumidoras) que utilizam energia solar fotovoltaica. O volume considera sistemas de microgeração e minigeração em residências, comércios, indústrias, propriedades rurais e prédios públicos.

Segundo dados da ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), a fonte fotovoltaica domina o segmento de GD (geração distribuída), com mais de 99% das instalações do país.

“Este recorde é resultado do esforço de todo o segmento de geração solar distribuída para transformar o Brasil em um país mais sustentável. Celebramos esta relevante conquista, ao mesmo tempo em que percebemos que ainda temos muito trabalho e oportunidades pela frente: há ainda mais de 85 milhões de unidades consumidoras no Brasil que não possuem solar fotovoltaico”, destacou Ronaldo Koloszuk, presidente do Conselho da ABSOLAR.

Dados da associação apontam que, desde 2012, a GD fotovoltaica teve um aumento médio de 231% ao ano no país, contribuindo com mais de R$ 4,7 bilhões de reais, reinjetados na economia local. Além disso, mais de 190 mil empregos foram gerados no país durante o período.

Ericka Araújo

Ericka Araújo

Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico. Possui experiência em produção de podcast, programas de entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Em 2019, recebeu o Prêmio Jornalista Tropical 2019 pela SBMT (Sociedade Brasileira de Medicina Tropical) e o Prêmio FEAC de Jornalismo. Já atuou como repórter e apresentadora da Rádio Brasil Campinas. Formada pela PUC Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.