2 de março de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,9GW

CCEE promove reposicionamento de marca e quer simplificar o setor elétrico

Nova identidade tem um desenho mais limpo e combina curvas fluidas com terminações mais precisas

Autor: 3 de abril de 2023Setor Elétrico
3 minutos de leitura
CCEE promove reposicionamento de marca e quer simplificar o setor elétrico

Novo posicionamento de marca foi apresentado na última quinta-feira (30). Foto: Divulgação/CCEE

A CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica) apresentou o reposicionamento de sua marca. A nova identidade busca alinhar, diz a instituição, “a identidade visual e o tom de voz da organização à sua vocação para descomplicar as dinâmicas do mercado energético e entregar serviços cada vez mais acessíveis”.

O processo de criação foi desenvolvido em parceria com a Consultoria de Marca Why, que ouviu funcionários, associados e até representantes do segmento financeiro.

Segundo Flávia Albuquerque, Gerente Executiva de Relações Institucionais da CCEE, explica que a mudança foi necessária para refletir o atual momento da instituição e do setor.

“A CCEE sempre atendeu um público muito especializado e que tem se tornado cada vez mais exigente. Com a perspectiva de abertura do mercado livre de energia, também terá um desafio imenso pela frente, de se comunicar com um volume muito maior de empresas e pessoas. A missão, então, foi sintetizar esse amadurecimento da marca, sem perder a nossa personalidade e a cultura de descomplicar o complicado”, diz.

Esta é a primeira campanha de mudança de marca da CCEE em seus mais de 20 anos de história. Guiada pelo posicionamento “Inteligência para facilitar. Inteligência para simplificar”, a Câmara busca traduzir todo o conhecimento que concentra.

De acordo com a CCEE, a tipografia mais tecnológica e com um desenho limpo, pretende representar essa clareza dos processos, combinando curvas fluidas com terminações mais precisas.

“A mistura com imagens geométricas e que fazem referência a conexões faz alusão ao trabalho organizado e alinhado com os agentes do mercado para viabilizar a compra e a venda de energia elétrica no país. E outro ponto importante é a paleta de cores. O antigo amarelo dará lugar a mais tons de azul, que buscam transmitir mais confiança no novo logotipo, enquanto o acqua visa demonstrar mais inovação e agilidade”, diz o comunicado da CCEE.

A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica foi criada em 1999 para estabelecer no Brasil um ambiente de compra e venda de eletricidade menos verticalizado e com maior participação do setor privado.

O mercado se consolidou nas últimas duas décadas, com negociações cada vez mais livres, e, hoje, a CCEE já conta com mais de 13 mil agentes, liquidando anualmente mais de R$ 150 bilhões.

Wagner Freire

Wagner Freire

Wagner Freire é jornalista graduado pela FMU. Atuou como repórter no Jornal da Energia, Canal Energia e Agência Estado. Cobre o setor elétrico desde 2011. Possui experiência na cobertura de eventos, como leilões de energia, convenções, palestras, feiras, congressos e seminários.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.