2 de março de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,9GW

COP 28: Brasil e mais de 100 países prometem triplicar produção de energias limpas ​até 2030

Grupo de nações se comprometeu a aumentar suas capacidades para fontes renováveis de 3.400 GW para 11.000 GW em até sete anos

Autor: 4 de dezembro de 2023dezembro 20th, 2023Transição energética
2 minutos de leitura
COP 28: Brasil e mais de 100 países prometem triplicar produção de energias limpas ​até 2030

Foto: Reprodução/Instagram/@cop28uaeofficial

Em um momento considerado histórico na COP 28, realizada em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, um grupo de 118 países – incluindo o Brasil – se comprometeu a triplicar suas capacidades para energias renováveis de 3.400 GW para 11.000 GW até 2030.

Paralelamente, outras 20 nações também se propuseram a fazer o mesmo com a energia nuclear até 2050. O acordo ocorre enquanto o planeta enfrenta ondas de calor e bate recordes de temperatura em 2023. 

O movimento foi liderado por potências como a União Europeia, Estados Unidos e Emirados Árabes Unidos. Além do Brasil, países como Austrália, Japão, Canadá, Chile e Nigéria também assinaram o pacto global.

O objetivo não é considerado obrigatório, já que muitos países começam muito atrás comparado a outros. De acordo com a agência Reuters, países importantes como China e a Índia até sinalizaram apoio à iniciativa, mas não assinaram o compromisso global.

Segundo análise do BCG (Boston Consulting Group), para reduzir as emissões de carbono e frear os impactos das mudanças climáticas serão necessários US$ 3,5 trilhões investidos em tecnologias que aceleram a descarbonização até 2050.

Brasil

Durante a COP 28, o Brasil anunciou mais de R$ 20 bilhões para financiar projetos voltados para o fomento das energias renováveis, bioeconomia e descarbonização da indústria. Ao todo, são cinco editais dentro do programa Mais Inovação Brasil. 

Os editais lançados pela Finep (Empresa Brasileira de Inovação e Pesquisa) e pelo BNDES (Banco de Desenvolvimento Econômico e Social) foram concebidos em ação conjunta com o MME (Ministério de Minas e Energia) e integrados com as políticas setoriais de transição energética.

Henrique Hein

Henrique Hein

Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como repórter do Jornal Correio Popular e da Rádio Trianon. Acompanha o setor elétrico brasileiro pelo Canal Solar desde fevereiro de 2021, possuindo experiência na mediação de lives e na produção de reportagens e conteúdos audiovisuais.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.