16 de agosto de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5,61GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 12,2W

CPFL investiu R$ 73,3 milhões em eficiência energética no 1º semestre

Aportes beneficiaram hospitais e apoiaram comunidades de maior vulnerabilidade social com economia de energia

Autor: 24 de setembro de 2021Brasil
CPFL investiu R$ 73,3 milhões em eficiência energética no 1º semestre

A CPFL Energia anunciou que investiu R$ 73,3 milhões no primeiro semestre de 2021 por meio do Programa de Eficiência Energética regulado pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).

O total aportado foi direcionado para o financiamento da execução de 125 projetos, que beneficiarão diretamente a população. Entre os investimentos aplicados este ano, R$ 23,3 milhões foram direcionados a um dos principais programas da companhia, o CPFL nos Hospitais.

Tal iniciativa ajuda a reduzir os gastos com energia de instituições públicas e filantrópicas de saúde, como foi o caso do Hospital Maternidade de Campinas, por exemplo. O mesmo terá uma economia de 10% com a instalação de um sistema fotovoltaico de 124,20 kWp. 

Leia também: Interior impulsiona energia solar em São Paulo 

Além disso, a empresa enfatizou que pretende investir mais R$ 60 milhões ainda em 2021, totalizando R$ 150 milhões em aportes nesse grupo de clientes, entre os anos de 2019 e 2021.

Mais ações

Segundo a CPFL, outros R$ 22,2 milhões foram para ações voltadas a clientes em situação de vulnerabilidade social. Entre as iniciativas para esses consumidores estão a instalação de equipamentos e eletroeletrônicos mais eficientes, como chuveiros, lâmpadas de LED, geladeiras e aquecedores solares. 

Tais projetos beneficiaram mais de 54 mil famílias da área de concessão e serão capazes de proporcionar uma economia de energia elétrica na ordem de 5.464 MWh/ano.

Plano de sustentabilidade da CPFL

Os programas de eficiência energética da CPFL fazem parte do plano de sustentabilidade da mesma, que prevê a aplicação, até 2024, de mais de R$ 1,8 bilhão para impulsionar a transição para uma forma mais limpa e inteligente de produzir e consumir eletricidade.

Em 2020, por exemplo, 36 projetos foram selecionados na Chamada Pública e receberam um investimento total de R$34,4 milhões. Foram 13 de Iluminação Pública, 13 de Poder Público ou Serviço Público e 10 das tipologias Comercial ou Industrial.

Foto: reprodução

Mateus Badra

Mateus Badra

Atuou como produtor, repórter e apresentador na Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020, atuando nas editorias de Mercado e Tendências, Mobilidade Urbana, P&D e Equipamentos. Jornalista graduado pela PUC-Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.