27 de maio de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5.02GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 10,7W

Belo Monte planeja implantar parque solar para compensar baixa produção

O projeto já foi encaminhado à ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) e está aguardando a outorga

Autor: 21 de março de 2022Notícias
Belo Monte planeja implantar parque solar para compensar baixa produção

Com 11.233 MW de potência, a usina de Belo Monte possui um limite na sua produção de energia. Foto: UHE Belo Monte

A concessionária Norte Energia, dona da usina de Belo Monte, planeja construir um parque solar dentro da usina, localizada no rio Xingu, na região de Altamira (PA)

O projeto é mais uma das alternativas para ampliar a geração de energia da usina e planeja atender 300 mil pessoas.

Considerada a maior usina brasileira, com 11.233 MW de potência, a usina de Belo Monte possui um limite na sua produção de energia.

Idealizada na década de 1980, suas obras já foram interrompidas várias vezes desde o início de sua construção em junho de 2011. Foram realizados protestos e ocupações por índios e ambientalistas, além de intervenções do Tribunal Regional Federal e do Ministério Público.

A Norte Energia, grupo formado por diversas empresas envolvidas na construção da Hidrelétrica, estuda a possibilidade de instalar a planta solar na Vila Residencial, local construído para abrigar os trabalhadores durante a fase de construção da usina.

Por conta disso, o projeto já foi encaminhado à ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) e espera a outorga em questão. O plano é que este novo parque solar chegue a uma potência de até 137,48 MW.

A concessionária tem, desde 2010, o prazo de 35 anos para explorar a hidrelétrica de Belo Monte. Após 12 anos e mais de R$ 40 bilhões investidos em obras, a construção de um parque solar é mais uma tentativa da Norte Energia em busca de outras fontes de renda. 

Todos os anos a usina de Belo Monte fica desligada por vários meses em consequência do baixo volume de água que passa pelo rio Xingu no período seco. A situação é tão agravante, que a geração de energia despenca para cerca de 300 MW em meses como agosto, setembro e outubro.

Isso força o desligamento da casa de força principal de Belo Monte, e eleva o risco de suas turbinas se danificarem, em decorrência do baixo volume de água.

Sofia Pontes

Sofia Pontes

Possui experiência em redação e edição de matérias jornalísticas, além de produção de podcast. Graduanda em Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Campinas e Bolsista Iniciação Científica da FAPESP.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.