Empresas captam R$ 320 milhões para projetos solares no Brasil

Os recursos foram captados com um grupo de investidores dos Estados Unidos
01-02-2021-canal-solar-Empresas captam R$ 320 milhões para projetos solares no Brasil

O Brasil está recebendo cada vez mais aportes em renováveis. Isso porque a Modern Energy, em conjunto com a controladora Faro Energy, concluiu uma rodada de investimento de R$ 160 milhões para ampliar a carteira de projetos solares no território brasileiro. 

Os recursos foram captados com um grupo de investidores dos Estados Unidos, incluindo organizações sem fins lucrativos e fundos de pensão. 

Ao total, após essa nova captação de subsídios, ambas atingiram um montante de R$ 320 milhões a ser investido.

De acordo com as empresas, esta movimentação demostra a forte credibilidade que o Brasil apresenta junto aos investidores estrangeiros, principalmente quando se trata de aporte em fontes renováveis.

“Apesar da recessão econômica, há uma demanda contínua de clientes e investidores por projetos de energia limpa, especialmente no Brasil”, disse Mark Laabs, CEO da Modern Energy e cofundador da Faro Energy.

Já segundo Pedro Mateus, CEO da Faro Energy, esta última rodada de investimento marca um ano de sucesso da companhia, mostrando que os investidores internacionais acreditam no potencial de energia renovável no país. 

“Com a parceria do nosso acionista Modern Energy, continuaremos a servir nossos clientes com soluções de energia limpa de baixo custo e de rápida implantação”, acrescentou Mateus. 

Atuação da Faro Energy

A Faro está em operação no Brasil desde 2016 e foi adquirida pela Modern Energy no início de 2020. Seu modelo de negócio consiste em desenvolvimento, construção e operação de usinas fotovoltaicas no Brasil.

Nos últimos 18 meses, conectou mais de 30 MW, emitiu o primeiro título sustentável com vários investidores locais e aumentou a base de clientes visando atingir o objetivo de 150 MW de projetos em operação até 2021.

Imagem de Mateus Badra
Mateus Badra
Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como produtor, repórter e apresentador na TV Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

Receba as últimas notícias

Assine nosso boletim informativo semanal