28 de janeiro de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.63GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 8,84GW

“O Sol não será taxado”, diz Bolsonaro em inauguração de usina solar urbana

Ainda durante o evento, o presidente destacou o uso do nióbio para produções industriais

Autor: 31 de agosto de 2020julho 27th, 2021Brasil
“O Sol não será taxado”, diz Bolsonaro em inauguração de usina solar urbana

“O Sol não será taxado”, voltou a declarar o presidente Jair Bolsonaro no sábado (29), durante inauguração de uma usina de energia fotovoltaica no município de Caldas Novas (GO). O evento contou com a presença do ministro de Minas e Energia, Bento Gonçalves, do governador Ronaldo Caiado e o diretor da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), Efrain Cruz.

Em janeiro, o presidente já havia dito que, após conversas com a cúpula do Congresso, a “taxação” sobre a atividade estava “sepultada”. “Vocês devem se lembrar, há pouco tempo, de uma campanha na internet ‘Não á taxação do Sol’. Quem estava decidindo isso era a ANEEL, e as agências são independentes, as suas decisões têm que ser cumpridas. E por lá passa tudo que tenha a ver com a energia elétrica. Eu procurei o presidente da Câmara e falei que, caso a ANEEL viesse taxar o Sol eu não poderia fazer nada como presidente, mas a Câmara poderia, juntamente com o Senado, via projeto, anular, revogar a decisão da ANEEL e tive o apoio do presidente da Câmara naquele momento”, disse Bolsonaro durante o evento.

Presidente apoia a energia solar no Brasil

Bolsonaro passou a se posicionar com mais firmeza sobre o assunto depois que a ANEEL apresentou a proposta de revisão da REN 482 (Resolução Normativa n.º 482/2012) no fim de outubro do ano passado.

Bateria à base de nióbio

Ainda durante o evento, o presidente destacou o uso do nióbio para produções industriais e defendeu que o elemento é analisado para a produção de uma “super bateria”. “O nióbio está em fase final de estudos em alguns países, juntamente com o grafeno, onde teremos a super bateria. Em primeira fase, ela poderá ser recarregada em poucos minutos. No futuro, em poucos segundos”, declarou Bolsonaro.

O presidente ainda destacou que com a implantação da usina solar pelo grupo turístico pode se tornar, em um futuro próximo, um posto de abastecimento de veículos. “As possibilidades para o Brasil são inúmeras”, ressaltou Bolsonaro.

Maior usina solar urbana do país

Maior usina solar urbana do paísA usina abastecerá empreendimentos turísticos do Grupo diRoma

A usina, com potência de 5,6 MWp, foi construída com recursos privados e pertence ao grupo Di Roma, que possui um complexo turístico na cidade goiana, cujo principal atrativo são as águas termais. A planta possui 16.578 módulos fotovoltaicos, ocupando 3.220 m² em sistema de cobertura do tipo garagem, 3.800 m² em telhados e 75.000 m² em solo.

Segundo o Grupo diRoma, o projeto vai atender os empreendimentos voltados para o turismo que a empresa mantém na cidade. “Na conta, a economia [do grupo com energia elétrica] chegará a 85%”, estima a empresária Magda Mofatto Hon, fundadora do Grupo di Roma.

Ericka Araújo

Ericka Araújo

Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico. Possui experiência em produção de podcast, programas de entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Em 2019, recebeu o Prêmio Jornalista Tropical 2019 pela SBMT (Sociedade Brasileira de Medicina Tropical) e o Prêmio FEAC de Jornalismo. Já atuou como repórter e apresentadora da Rádio Brasil Campinas. Formada pela PUC Campinas.

Um comentário

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.