9 de agosto de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5,46GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 12,0W

Seis estados aumentarão potência instalada de GC solar em mais de 1 mil %

Crescimento ocorrerá em razão dos empreendimentos que encontram-se outorgados ou fase de construção

Autor: 7 de dezembro de 2021fevereiro 1st, 2022Brasil
Seis estados aumentarão potência instalada de GC solar em mais de 1 mil %

Alagoas; Mato Grosso do Sul; Minas Gerais; Paraíba; Pernambuco e Rio Grande do Norte se preparam para expansão. Foto: Envato

Um levantamento realizado pelo Canal Solar, com base em dados da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), aponta que seis estados brasileiros – Alagoas; Mato Grosso do Sul; Minas Gerais; Paraíba; Pernambuco e Rio Grande do Norte – já se preparam para expandir em mais de 1.000% a sua potência instalada fotovoltaica em usinas de grande porte, na chamada GC (Geração Centralizada).

O crescimento ocorrerá em razão dos empreendimentos fotovoltaicos que, neste momento, encontram-se em fase de construção ou no aguardo da liberação das obras nestas localidades.

O Estado de Minas Gerais, por exemplo – que opera, neste instante, com 0,6 GW de potência solar – aguarda o incremento de mais de 11 GW em sua matriz energética, oriundas de empreendimentos em fase de construção e de usinas outorgadas.   

Na Paraíba, os investimentos em energia solar no segmento de GC foram altos em 2021. O Estado tem valorizado parcerias com empresas interessadas na implantação de projetos como o da maior fábrica de painéis solares da América Latina, em João Pessoa, e de um dos maiores parques solares do país, no município de Santa Luzia. 

No final de novembro, o governador João Azevêdo (PSB) se reuniu, em João Pessoa, com representantes da empresa Atua Energia, para discutir detalhes para a instalação de usinas fotovoltaicas nas cidades de Boa Vista, Boqueirão, Juazeirinho e Queimadas. As obras devem ser iniciadas em janeiro e a previsão é de que os sistemas entrem em operação já no segundo semestre de 2022. 

Já em Mato Grosso do Sul, é esperado o maior aumento percentual entre os seis estados listados. A potência operacional na região crescerá de 0,002 GW para pouco mais de 0,8 GW. Assim como as demais localidades, a região também tem apostado em projetos que visem o fomento de energias renováveis em seus municípios.

O mesmo também acontece em Alagoas e Pernambuco, que aumentarão sua potência instalada centralizada de 0,04 para 0,5 GW e de 0,2 para 3 GW, respectivamente. Em Pernambuco, por exemplo, foi instalado em junho deste ano um dos maiores complexos solares do Brasil, no município de São José do Belmonte, a aproximadamente 500 km do Recife. 

Como está a GC solar em operação em cada um dos seis estados

Imagem: ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica)

Como ficará a GC solar em operação com o acréscimo das usinas em construção e outorgadas

Imagem: ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica)

Henrique Hein

Henrique Hein

Coordenador da Revista Canal Solar. Atuou no Correio Popular e na Rádio Trianon. Possui experiência em produção de podcast, programas de rádio, entrevistas e elaboração de reportagens. Acompanha o setor solar desde 2020.

Um comentário

  • Jerffeson disse:

    janeiro a outubro de 2020, a geração solar distribuída na Bahia cresceu 118% na comparação com todo o ano passado, segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR). A potência instalada a partir da fonte solar no estado passou de 63,2 MW para 138,3 MW no período.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.