Semae prevê economizar R$ 79 mi em 5 anos no Mercado Livre

Somente nos quatro primeiros meses de contrato, a economia já chega a R$ 5 milhões
2 minuto(s) de leitura
Semae prevê economizar R$ 79 milhões em cinco anos no Mercado Livre
O novo contrato de aquisição de energia atende a 17 unidades consumidoras. Imagem: Divulgação/Semae

A Semae, Serviço Municipal de Água e Esgoto de Piracicaba (SP), migrou para o Mercado Livre em janeiro deste ano e prevê economizar R$ 79 milhões em gastos com energia elétrica até 2028. Somente nos quatro primeiros meses de contrato, a economia já chega a R$ 5 milhões.

O Mercado Livre é um ambiente concorrencial em que consumidores podem negociar preços de energia diretamente com os fornecedores (geradoras e comercializadoras). Essa modalidade não só permite reduzir a conta de luz todos os meses, mas também incentiva o uso de energia renovável. 

Segundo a Semae, os estudos para migração para o Mercado Livre começaram em 2022. Um levantamento interno constatou que naquele ano foram gastos R$ 43,2 milhões com energia elétrica, sendo que em 2023 esse montante saltou para R$ 45,3 milhões, variação de 4,6%

Para 2024, a previsão é que haja uma despesa com eletricidade de R$ 28 milhões, o que representa uma economia de quase 40% em relação ao custo de energia adquirido pela concessionária no ano passado. 

“A mudança na aquisição de energia já vem mostrando resultados nestes primeiros meses de transição, um sinal vantajoso para a autarquia. Através desse modelo, podemos utilizar os recursos economizados e investir em melhorias na estrutura e ampliações no sistema de abastecimento, garantindo que a demanda de consumo de água da cidade seja atendida de forma mais eficiente, beneficiando a todos a longo prazo”, comenta o presidente da autarquia, Artur Costa Santos.

O novo contrato de aquisição de energia no Mercado Livre, com duração de 5 anos, atende as 17 unidades consumidoras do Semae, como a ETA (Estação de Tratamento de Água) Capim Fino e as EEAT (Estações Elevatórias de Água Tratada), como a XV de Novembro, Dois Córregos e Boa Esperança, que representam 97% do total de gastos com energia elétrica da autarquia.

Todo o conteúdo do Canal Solar é resguardado pela lei de direitos autorais, e fica expressamente proibida a reprodução parcial ou total deste site em qualquer meio. Caso tenha interesse em colaborar ou reutilizar parte do nosso material, solicitamos que entre em contato através do e-mail: [email protected].

Imagem de Wagner Freire
Wagner Freire
Wagner Freire é jornalista graduado pela FMU. Atuou como repórter no Jornal da Energia, Canal Energia e Agência Estado. Cobre o setor elétrico desde 2011. Possui experiência na cobertura de eventos, como leilões de energia, convenções, palestras, feiras, congressos e seminários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

Solar Space

A SolarSpace Technology Co., Ltd. foi fundada em 11 de janeiro de 2011 e seu principal negócio éa pesquisa, desenvolvimento, produção e comercialização de células

Leia mais »
Receba as últimas notícias

Assine nosso boletim informativo semanal