28 de janeiro de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.63GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 8,84GW

Sou Energy e Solplanet assinam acordo de cooperação estratégica

Objetivo das empresas é aprimorar o mercado de energia solar fotovoltaica no Brasil

Autor: 11 de janeiro de 2022Brasil
Sou Energy e Solplanet assinam acordo de cooperação estratégica

Acordo firmado entre Sou Energy e Solplanet. Foto: Solplanet/Divulgação

A Sou Energy assinou um acordo de cooperação estratégica com a Solplanet, do grupo Aiswei, com o objetivo de criar um desenvolvimento sustentável para o futuro da energia limpa no Brasil.

“A missão da Solplanet é ser ‘Solar para todos’, fornecendo produtos que são fáceis de instalar e confiáveis e fáceis de usar”, disse Fei Liu, vice-presidente de Vendas e Marketing do grupo Aiswei.

“Temos muito prazer em colaborar com a Sou Energy para aprimorar o mercado latino-americano de energia solar. Por meio da cooperação, esperamos combinar as principais práticas da empresa com as tecnologias avançadas dos inversores Solplanet”, completou.

Abel Cunha, gerente de vendas da Solplanet, também comentou sobre a parceria e enfatizou que o mercado de energia fotovoltaica da América Latina está crescendo de forma exponencial por causa dos abundantes recursos solares.

“Estamos trazendo produtos Solplanet de enorme qualidade que serão somados à grande competência do grupo Sou Energy, sendo em breve a marca de inversores mais desejada pelos clientes do mercado brasileiro”, relatou Cunha.

“A Aiswei é bem conhecida por fabricar produtos de alta qualidade. Eles acumularam uma enorme experiência na fabricação de inversores, conhecida por sua longa parceria junto da marca alemã SMA”, destacou Kleber Pinho, CEO da Sou Energy.

“Estamos ansiosos para trabalhar com a Solplanet, o melhor inversor do mercado internacional que agora iremos distribuir no Brasil”, finalizou.

Leia mais: Sou Energy lança ação com robô delivery em shopping em Fortaleza

Mateus Badra

Mateus Badra

Atuou como produtor, repórter e apresentador na Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro há mais de um ano, atuando nas editorias de Mercado e Tendências, Mobilidade Urbana, P&D e Equipamentos. Jornalista graduado pela PUC-Campinas.

Um comentário

  • Hermes Sobreira disse:

    Tudo que vier pra inovar neste setor é saudável e útil ao mercado fotovoltaico brasileiro.
    O Brasil precisa urgente de mais fontes de energia renováveis.Primeiro pra baratear os custos das energias convencionais,como termelétrica,por exemplo.Segundo,pra baixar os custos de produção brasileira na Agricultura, indústria,transportes,enfim.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.