23 de abril de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 13,4GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 28,6GW

Transmissão cresce mais de 6 mil km em 2020, aponta ANEEL

Segundo a agência, o total corresponde a uma ida e meia do Oiapoque (AP) ao Chuí (RS)

Autor: 2 de fevereiro de 2021Setor Elétrico
2 minutos de leitura
Transmissão cresce mais de 6 mil km em 2020, aponta ANEEL

A ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) divulgou que o Brasil terminou 2020 com 6.159,34 km de novas linhas de transmissão, com acréscimo em 15 estados.

Segundo a agência, esse total corresponde uma ida e meia ao Oiapoque (AP) até Chuí (RS), em linha reta.

Ainda segundo a ANEEL, no ano passado foram registrados a adição de 14.485,33 MVA em transformadores de subestações ao SIN (Sistema Interligado Nacional), instalados em 17 estados. 

De acordo com levantamento da agência, os com maior quilometragem concluída de linhas de transmissão em 2020 foram: 

  • Bahia (1428,5 km);
  • Pará (1.011 km) e; 
  • Minas Gerais (842,5 km). 

Já em potência ativa acumulada no ano, estão na dianteira São Paulo (3.607 MVA), Pará (2.350 MVA) e Minas Gerais (2.075 MVA). 

E entre as maiores linhas que foram concluídas em 2020, estão o primeiro circuito da linha 500 kV Itatiba / Bateias (SP/PR), com 414 km, interligando Itatiba (SP) e Campo Largo (PR) e; o primeiro circuito da linha 500 kV Poções III – Padre Paraíso 2, com 323 km, de Poções (BA) a Padre Paraíso (MG). 

Dados de dezembro

Somente em dezembro, foi informada à ANEEL a conclusão de 863,3 km de linhas e de 1.450 MVA em capacidade de transformação. 

A linha de transmissão com maior extensão concluída no mês foi o segundo circuito da linha 500 kV Igaporã III – Janaúba 3, entre os municípios de Caetité (BA), e Janaúba (MG), com 257 km. 

Ao  total, o país possuía, em 31 de dezembro de 2020, 160.859,05 km de linhas de transmissão e 387.370,73 MVA de capacidade de transformação.

Mateus Badra

Mateus Badra

Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como produtor, repórter e apresentador na TV Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020. Atualmente, é Analista de Comunicação Sênior do Canal Solar e possui experiência na cobertura de eventos internacionais.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.