26 de maio de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.99GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 10,7W

TRF5 anuncia nova instalação de usina fotovoltaica

A previsão é de que a estrutura seja finalizada até o final de maio

Autor: 8 de abril de 2022Notícias
TRF5 anuncia nova instalação de usina fotovoltaica

Foto: (Tribunal Regional Federal da 5º Região

O portal do TRF5 (Tribunal Regional Federal da 5º Região) anunciou, na quarta-feira (6), a inauguração de um novo projeto de instalação de usina fotovoltaica.

A usina funcionará no estacionamento da Esmafe (Escola de Magistratura Federal da 5º Região) e será a segunda usina fotovoltaica instalada no local. Com a nova instalação, o Órgão terá quatro usinas fotovoltaicas.

De acordo com a SIAP (Subsecretaria de Infraestrutura e Administração Patrimonial), responsável pela coordenadoria das atividades, o custo investido pelo Tribunal para as obras e a instalação da usina foi de R$ 950 mil.

Ainda segundo a SIAP, a expectativa é que a unidade seja capaz de abastecer todo o prédio da Esmafe, além de gerar um possível crédito de energia, a fim de ser utilizado no edifício-sede.

A área segue em processo de reforma, para receber 40 vagas cobertas, onde serão instalados 300 módulos fotovoltaicos. A previsão é de que a estrutura seja finalizada até o final de maio.

Stella Miranda

Stella Miranda

Possui experiência em produção de podcast, elaboração de matérias jornalísticas, entrevistas e produção para rádio. Graduanda em Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Campinas.

Um comentário

  • Davi Pires disse:

    Boa iniciativa. Todos os prédios administrativos e governamentais, além de hospitais públicos e escolas deveriam e devem investir em energia solar. O custo-benefício para os cofres públicos é absurdo, além de incentivar o mercado verde. Imagina o quando deve ser a conta de energia de um prédio desses…

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.