23 de abril de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 13,4GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 28,6GW

Ufal instala usina solar no Campus Maceió

Planta de 134 kWp tem o objetivo de suprir parte da demanda energética da universidade

Autor: 30 de junho de 2023Projetos
3 minutos de leitura
Ufal instala usina solar no Campus Maceió

A instalação está localizada no município de Maceió (AL) ao lado do Fórum Universitário, na entrada do Campus A.C. Simões. Foto: universidade Federal do Alagoas/Reprodução

A Ufal (Universidade Federal de Alagoas) anunciou a instalação de uma usina solar com objetivo de suprir parte da demanda energética da universidade.

A instalação, financiada pela Equatorial Energias Alagoas, está localizada no município de Maceió (AL) ao lado do Fórum Universitário, na entrada do Campus A.C. Simões, com uma área de três mil metros quadrados.

A planta possui 134 kWp, sendo composta por 360 módulos fotovoltaicos e quatro inversores de um sistema com 125 kWp de potência, além de um estacionamento solar com três vagas preferenciais, 27 módulos fotovoltaicos e dois inversores com 9 kWp de potência.

Foto: universidade Federal do Alagoas/Reprodução

Segundo a instituição, a economia de energia é fundamental para o andamento do funcionamento da universidade, já que as despesas com energia elétrica são um dos principais itens de custeio no Campus Simões.

O espaço integra uma sala de aula e treinamento; um eletrocentro, onde estão instalados os inversores; uma secretaria; uma sala de reuniões; um almoxarifado; e uma cobertura, destinada à instalação de estações meteorológicas.

Foto: universidade Federal do Alagoas/Reprodução

Além disso, o empreendimento também funcionará como um laboratório didático e de pesquisa, oferecendo oportunidades para estudos e experimentos relacionados à geração fotovoltaica.

“Com projeto inovador, a miniusina se destaca como uma importante infraestrutura para a formação de profissionais capacitados nas áreas de eficiência energética e geração distribuída fotovoltaica”, destaca o professor Márcio Cavalcante, coordenador do Projeto de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, que viabilizou a usina.

Segundo o docente, a instalação poderá ser utilizada para o desenvolvimento de projetos ligados ao Ceca (Campus de Engenharias e Ciências Agrárias), ao IC (Instituto de Computação) e ao Ctec (Centro de Tecnologia).

De acordo com a universidade, a iniciativa tem como principal objetivo proporcionar um ambiente de aprendizagem capaz de integrar teoria e prática nos campos da eficiência energética e das energias renováveis.

“A sala de aula será utilizada por turmas avançadas dos cursos de Engenharia do Ceca, do IC e do Ctec, permitindo que os estudantes vivenciem de perto os processos de geração, distribuição e uso da energia solar”, afirma Cavalcante.

A edificação será candidata ao Selo Procel Edificações, uma vez que, de acordo com Cavalcante, o projeto foi concebido para obter nível de classificação A nos três aspectos de eficiência energética que são analisados.

“O Selo Procel Edificações tem por objetivo principal identificar as edificações que apresentam as melhores classificações de eficiência energética, tanto na etapa de projeto, válido até a finalização da obra, quanto na etapa da edificação construída”, complementa o pesquisador.

Stella Miranda

Stella Miranda

Produtora do Canal Responde e do Solar em 60. Possui experiência em produção de podcast, elaboração de matérias jornalísticas, entrevistas e produção para rádio. Graduanda em Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.