5 de julho de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5.09GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 11,3W

ANEEL autoriza operação de quatro usinas fotovoltaicas na Bahia

Somadas, as plantas fotovoltaicas possuem 190,491 MW de potência instalada

Autor: 25 de agosto de 2021agosto 31st, 2021Brasil
ANEEL autoriza operação de quatro usinas fotovoltaicas na Bahia

O Nordeste brasileiro tem cada vez mais empreendimentos que investem no uso de energia solar. Os nove estados, juntos, contam com 2,4 GW de potência instalada em GC (Geração Centralizada) fotovoltaica, segundo o SIGA (Sistema de Informações de Geração) da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) – dados extraídos em 25/08/21.

Na última terça-feira (24), a ANEEL autorizou a operação comercial de quatro usinas de energia solar fotovoltaica no município de Oliveira dos Brejinhos (BA). As usinas Terra do Sol XI, Sol do Sertão XIII, Sol do Sertão XXXV e Sol do Sertão XXXVI possuem juntas cerca de 190,491 MW de potência instalada.

Leia também: Conta de luz ficará mais cara em 2022, informa ANEEL

O empreendimento Terra do Sol é uma iniciativa da empresa instaladora solar Ecoluz, o investimento se tornou viável em 2015, após a alteração da Resolução 482 pela ANEEL. A planta já tem uma unidade em funcionamento em Ibotirama (BA) e em Jaíba (MG).

Os complexos solares Sol do Sertão foram projetados pela empresa de projetos fotovoltaicos Essentia Energia. Segundo a empresa, nas usinas foram usados 1.075.200 painéis solares bifaciais da fabricante LONGiO funcionamento das plantas foi antecipado pela agência, no cronograma original, as usinas estavam previstas para iniciar o funcionamento em julho de 2022.  

Giuliana Olivieri

Giuliana Olivieri

Atuou como produtora de programa de entrevista na Rádio Brasil Campinas, além de elaboração de reportagens diárias, edição de áudio e vídeo. Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico, cobrindo a editoria de Mercado e Negócios. Graduanda em Jornalismo na PUC Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.