1 de março de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,9GW

ANEEL multa Enel por apagão em São Paulo em R$ 165 milhões

Agência avalia que distribuidora demorou para alocar equipes para atendimentos e descumpriu cláusula do contrato de concessão

Autor: 12 de fevereiro de 2024Brasil
2 minutos de leitura
ANEEL multa Enel por apagão em São Paulo em R$ 165 milhões

Foto: Divulgação

A ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) aplicou uma multa no valor de R$ 165,8 milhões à Enel-SP por falhas na prestação de serviços, incluindo o apagão que deixou mais de 2 milhões de pessoas sem energia elétrica na Grande São Paulo (SP), em 3 de novembro do ano passado.

De acordo com a agência reguladora, a distribuidora descumpriu o contrato de concessão da rede elétrica paulista ao não garantir energia aos moradores afetados pelo temporal que atingiu a cidade.

Além disso, foi constatado que houve demora da distribuidora para alocar equipes para atendimento à ocorrência.

O documento aponta que, embora a tempestade tenha ocorrido em 3 de novembro, apenas três dias depois é que houve um aumento significativo da quantidade de equipes em campo, o que acarretou em um período muito longo para atuação em contingência.

A ANEEL avaliou também que houve “evidente piora” no atendimento a ocorrências emergenciais nos últimos anos por parte da distribuidora, responsável pelo fornecimento de energia elétrica para 24 municípios da Região Metropolitana de São Paulo.

Aos veículos de imprensa, a Enel-SP informou que não vai comentar o caso. A empresa pode recorrer da decisão.


Todo o conteúdo do Canal Solar é resguardado pela lei de direitos autorais, e fica expressamente proibida a reprodução parcial ou total deste site em qualquer meio. Caso tenha interesse em colaborar ou reutilizar parte do nosso material, solicitamos que entre em contato através do e-mail: [email protected].

 

Henrique Hein

Henrique Hein

Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como repórter do Jornal Correio Popular e da Rádio Trianon. Acompanha o setor elétrico brasileiro pelo Canal Solar desde fevereiro de 2021, possuindo experiência na mediação de lives e na produção de reportagens e conteúdos audiovisuais.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.