29 de fevereiro de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,9GW

Baixa procura no mercado global contribui para queda nos preços dos módulos

Cinco principais fabricantes estão com apenas 50-70% da capacidade contratada

Autor: 21 de dezembro de 2023Boletim InfoLink
3 minutos de leitura
Baixa procura no mercado global contribui para queda nos preços dos módulos

Imagem: Envato

A baixa procura por módulos no mercado global para o primeiro trimestre do próximo ano tem feito os preços dos módulos fotovoltaicos caírem. Os cinco principais fabricantes estão com apenas 50-70% da capacidade contratada, enquanto os volumes de pedidos de fabricantes menores estão ainda mais baixos.

As informações são da InfoLink Consulting, consultoria especializada no acompanhamento da indústria fotovoltaica global. A empresa explica que os preços em RMB são os praticados na China, enquanto os dólares são os preços no exterior, não uma conversão direta de RMB para dólares americanos.

Segundo o último boletim, que considera os preços praticados entre a quinta-feira (14) até a quarta feira (20/12), o preço dos módulos monofaciais PERC de 182 mm estão entorno de RMB 0,89-1,05/W, com os preços médios caindo para RMB 0,95-0,96/W, enquanto os preços dos novos contratos se aproximam RBM 0,92-0,93/W. “Alguns já iniciaram negociações a um preço inferior a RMB 0,9/W.”

Para módulos monofaciais PERC de 210 mm, os preços variaram de RMB 0,92-1,08/W, com novos contratados avançando em RMB 0,95-1/W. A diferença de preço entre PERC de 182 mm e PERC de 210 mm monofaciais está diminuindo gradualmente.

Devido aos fatores de custo e a um mercado indeterminado, os preços do HJT permanecem estagnados. Até agora, os preços estão em cerca de RMB 1,25-1,3/W, enquanto os preços dos pedidos no exterior oscilam em US$ 0,16-0,17/W.

Fabricantes de células operando no prejuízo

Os preços de negociação das células M10 tipo P estabilizaram nesta semana, mostrando sinais de que atingiram seu ponto mais baixo em RMB 0,38/W, mais ocasionalmente negociado em RMB 0,36-0,37/W.

Por outro lado, os preços de negociação das células tamanho G12 continuam a diminuir, ficando-se em RMB 0,4/W, estreitando a diferença de preço com células M10.

Para células do tipo N, os principais preços de negociação das células M10 TOPCon também sofreram um ligeiro declínio esta semana, caindo em torno de RMB 0,47/W, o que não correspondeu totalmente aos preços cotados na semana passada.

Enquanto isso, a maioria dos fabricantes de células G12 HJT produzem principalmente para autoconsumo, com produção limitada para vendas externas. Seus preços para as células de alta eficiência variam de RMB 0,65/W a RMB 0,7/W.

Segundo a Infolink, toda a produção de células está atualmente operando com prejuízo, levando a uma atmosfera pessimista entre fabricantes, solicitando planos contínuos para redução da produção.

Com o excesso de oferta e o declínio nos preços dos módulos, as empresas precisam traçar estratégias para sobreviver ao ciclo e se livrar das linhas de produção mais antigas.

Wagner Freire

Wagner Freire

Wagner Freire é jornalista graduado pela FMU. Atuou como repórter no Jornal da Energia, Canal Energia e Agência Estado. Cobre o setor elétrico desde 2011. Possui experiência na cobertura de eventos, como leilões de energia, convenções, palestras, feiras, congressos e seminários.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.