21 de abril de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 13,4GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 28,5GW

BBCE vê aumento na energia negociada, mas volume financeiro é menor

Balcão de comercialização de energia vê tendência de alongamento dos contratos no mercado livre

Autor: 12 de abril de 2023Mercado Livre
2 minutos de leitura
BBCE vê aumento na energia negociada, mas volume financeiro é menor

Volume foi concentrado em uma quantidade menor de operações. Foto: Pixabay

O volume de energia negociado na BBCE (Balcão Brasileiro de Comercialização de Energia) cresceu 34,7% em março na comparação ao mesmo período do ano passado. Em relação a fevereiro, o aumento foi de 30,5%. No total, foram negociados no último mês 24.885 GWh.

De acordo com Felipe Nasciben, diretor de Produtos, Comunicação e Marketing da BBCE, o volume foi concentrado em uma quantidade menor de operações, o que elevou o tíquete médio para 312% em comparação com março de 2022.

“Foram negociadas, ao todo, cerca de 25 TWh em 1460 contratos. Entretanto, com o Preço de Liquidação das Diferenças (PLD) próximo ao piso, o volume financeiro foi 16% menor que o mesmo mês do ano passado”, explica.

Os ativos com vencimento acima de 2024, assim como ocorreu nos demais meses do ano, seguem representando parcela relevante do volume. Com isso, 38,5 % do volume tem vencimento a partir de 2025 e 15,9% do volume foi com energia convencional com preço fixo para entrega anual em 2024

Com altas significativas em janeiro e março, a BBCE encerrou o trimestre com crescimento de 20,5% no volume em relação ao mesmo período de 2022. Foram, ao todo, 75 TWh negociados em 5 mil operações que movimentaram R$ 7 bilhões. O volume financeiro total teve retração de 25,6%.

Dos 11 anos de história da companhia, o 1T2023 foi o período em que houve maior alongamento de prazos. Do volume total transacionado, 57% dos negócios tiveram prazo superior a um ano.

Wagner Freire

Wagner Freire

Wagner Freire é jornalista graduado pela FMU. Atuou como repórter no Jornal da Energia, Canal Energia e Agência Estado. Cobre o setor elétrico desde 2011. Possui experiência na cobertura de eventos, como leilões de energia, convenções, palestras, feiras, congressos e seminários.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.