Energia solar é empregada na produção de hidrogênio

Esta metodologia mostra ser uma potencial solução para energia renovável
1 minuto(s) de leitura

Já pensou em usar energia solar para transformar água em combustível de hidrogênio? Para uma equipe de cientistas britânicos da Universidade de Southampton isso é possível. O processo passa por transformar fibras óticas em microrreatores fotocatalíticos, convertendo assim água em combustível de hidrogênio através de energia solar.

Esta metodologia mostra ser uma potencial solução para energia renovável, além de contribuir para eliminação de gases do efeito estufa e produção química sustentável.

De acordo com o estudo, os investigadores britânicos revestiram as fibras com óxido de titânio com nanopartículas de paládio. Isto permitiu que o material funcionasse como catalisador para a separação indireta contínua da água.

“A capacidade de combinar processos químicos ativados pela luz com as excelentes propriedades de propagação da luz das fibras óticas tem um enorme potencial. Neste trabalho, o nosso fotorreator exclusivo mostra melhorias significativas na atividade em comparação com os sistemas existentes. Este é um exemplo ideal de engenharia química para a tecnologia verde do século XXI”, explicou o autor principal do estudo, Matthew Potter.

Imagem de Mateus Badra
Mateus Badra
Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como produtor, repórter e apresentador na TV Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

Receba as últimas notícias

Assine nosso boletim informativo semanal