Quais os desafios e as perspectivas da energia solar por assinatura no Brasil?

Mesmo com o avanço da energia solar por assinatura, muitas pessoas têm dúvidas se ainda vale a pena aderir a essa modalidade
2 minuto(s) de leitura
Quais os desafios e as perspectivas da energia solar por assinatura no Brasil?
Geração compartilhada já soma 9,4 mil unidades em operação no Brasil. Foto: Freepik

A energia solar por assinatura tem ganhado cada vez mais espaço no setor fotovoltaico, por ser uma forma mais acessível aos consumidores, tanto em termos de custo-benefício quanto para aqueles que não têm espaço para instalar equipamentos fotovoltaicos em suas residências, podendo assim, aderir a esse modelo.

Dados recentes da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) mostram que somente no primeiro quadrimestre deste ano, a modalidade passou a beneficiar mais 3.628 UCs (Unidades Consumidores), a partir da instalação de 678 unidades de geração compartilhada.  

Ao todo, desde o início da expansão da fonte solar no país, a geração compartilhada já soma mais de 9,4 mil unidades em operação, beneficiando um total de 332 mil UCs em todo Brasil.

Mesmo com o avanço da energia solar por assinatura, muitas pessoas têm dúvidas se ainda vale a pena aderir a essa modalidade.

revista23

O Canal Solar entrevistou três especialistas – Bernardo Marangon, sócio administrador na Exata Energia; Thiago Bao, advogado de GD (Geração Distribuída) na Bao Ribeiro Advogados e Pedro Dante, sócio da área de energia da Lefosse Advogados, para comentar sobre as projeções futuras da geração compartilhada e os desafios que a modalidade enfrenta. 

Para conferir o que disseram os especialistas e ficar antenado sobre os desafios e perspectivas da energia solar por assinatura no Brasil é só conferir a reportagem completa e de forma gratuita na 23ª edição da Revista Canal Solar, disponível neste link.

Todo o conteúdo do Canal Solar é resguardado pela lei de direitos autorais, e fica expressamente proibida a reprodução parcial ou total deste site em qualquer meio. Caso tenha interesse em colaborar ou reutilizar parte do nosso material, solicitamos que entre em contato através do e-mail: [email protected].

Imagem de Yvana Leitão
Yvana Leitão
Produtora do Podcast Papo Solar. Possui experiência produção e elaboração de matérias jornalísticas. Graduanda em jornalismo pela Escola Superior de Administração, Marketing e Comunicação de Campinas.

3 respostas

  1. Parabéns pela reportagem. Muitos de nós Brasileiros temos vontade de ter nossa própria usina e gerar nossa própria energia; mas infelizmente por alguns motivos não podemos concretizar o fato.

    Eu adquiri minha Licença ( Franquia) e hoje tenho a oportunidade de ter a minha própria energia renovável sem precisar adquirir placas ou instalar qualquer equipamento.

    Conseguimos até 20% para clientes grupo B baixa tensão: residências, indústrias e empresas e até 30% clientes grupo A de alta tensão.

    Se você tiver interesse em conhecer nosso projeto é só me chamar no Watts 51984863327

  2. Bom dia!!! Gostei de uma comunicação voltada para energia solar, minha dúvidas é sobre as cotas , como é adquirir as cotas ao longo dos anos ?? É viável??

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba as últimas notícias

Assine nosso boletim informativo semanal