27 de janeiro de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.63GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 8,82GW

Google pretende operar só com fontes renováveis até 2030

Autor: 21 de setembro de 2020outubro 14th, 2020Mundo
Google pretende operar só com fontes renováveis até 2030

O Google pretende abastecer seus data centers e escritórios usando exclusivamente eletricidade com emissão de carbono zero até 2030. É o que afirmou Sundar Pichai, CEO da empresa.

A “meta de expansão”, como Pichai descreveu, forçará o Google a ir além da norma da indústria de tecnologia de compensar as emissões de carbono do uso de eletricidade e exigirá avanços tecnológicos e políticos para alcançá-la.

“O problema é tão imenso que muitos de nós precisamos mostrar o caminho e mostrar soluções”, disse o executivo.

A energia solar, eólica e outras fontes renováveis foram responsáveis, por exemplo, por 61% do uso global de eletricidade por hora do Google no ano passado. A proporção variou por local, com fontes livres de carbono atendendo a 96% das necessidades de energia por hora no data center da empresa em Oklahoma (EUA), em comparação com 3% em sua operação dependente de gás em Cingapura.

O Google destacou ainda que para zerar as emissões de carbono no futuro pode utilizar baterias para armazenar energia fotovoltaica durante a noite, fontes emergentes como reservatórios geotérmicos e ter um melhor gerenciamento das necessidades de energia.

“Para planejar 24 horas por dia, sete dias por semana, sem carbono em nossos data centers e campi em todo o mundo, vemos um enorme desafio de logística, razão pela qual trabalhamos duro para chegar lá. Estamos confiantes que podemos chegar lá em 2030”, concluiu Pichai. 

{loadmoduleid 318}

{loadmoduleid 347}

{rfbcomment}100%{end-rfbcomment}

Mateus Badra

Mateus Badra

Atuou como produtor, repórter e apresentador na Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro há mais de um ano, atuando nas editorias de Mercado e Tendências, Mobilidade Urbana, P&D e Equipamentos. Jornalista graduado pela PUC-Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.