27 de maio de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5.02GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 10,7W

GP do Bahrein da F1 conta com fonte solar para gerar energia

O Circuito Internacional do Bahrain também instalou suas primeiras estações de carregamento de veículos elétricos

Autor: 30 de março de 2022Mundo
GP do Bahrein da F1 conta com fonte solar para gerar energia

A instalação de produção solar apoiará o plano da Fórmula 1 de ter emissões líquidas zero de carbono até 2030. Foto: Divulgação

Toda a energia usada pelo Grande Prêmio da Gulf Air Bahrain de Fórmula 1 neste ano virá de fontes de energia sustentáveis, atendendo às necessidades do BIC (Circuito Internacional do Bahrain) durante todo o fim de semana da corrida. 

“A rápida conclusão da primeira fase da transformação de energia solar do Circuito Internacional do Bahrein é um marco importante na meta da F1 de ser neutra em carbono até 2030 e nas ambições Net Zero do Reino do Bahrain”, destacou Shaikh Salman bin Isa Al Khalifa, executivo-chefe do Circuito Internacional do Bahrain.

“Nos próximos meses, continuaremos a progredir em várias iniciativas interessantes focadas em aumentar ainda mais nossa eficiência energética e hídrica, bem como desenvolver oportunidades para expandir nossa produção solar”, acrescentou.

“Este é outro momento muito importante em nossos planos de atingir zero carbono líquido no esporte até 2030 e mostra novamente a visão e a velocidade de ação que nosso experiente promotor aqui no Bahrein está entregando”, ressaltou Stefano Domenicali, presidente e CEO da Fórmula 1.

“É ótimo que os requisitos de energia para todo o fim de semana de corrida sejam cobertos por energia solar e mostre o que podemos fazer como comunidade esportiva para contribuir positivamente para reduzir as emissões e nossa pegada de carbono”, concluiu Domenicali.

GP do Bahrein da F1 conta com fonte solar para gerar energia

Segundo o BIC, além de fornecer energia para as luzes do espaço por meio da fonte solar, o projeto integrou a instalação de estações de carregamento de veículos elétricos.

Para o desenvolvimento do projeto foram usados os inversores Afore. “O inversor Afore se destacou na licitação pública com sua excelente qualidade e desempenho estável e venceu com sucesso o projeto de capacidade instalada de 3.883 kW”, comentou a fabricante chinesa em suas redes sociais. De acordo com a Afore, o projeto foi concluído pela empresa desenvolvedora de projetos Intl. IREC Energia WLL.

afore
Ericka Araújo

Ericka Araújo

Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico. Possui experiência em produção de podcast, programas de entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Em 2019, recebeu o Prêmio Jornalista Tropical 2019 pela SBMT (Sociedade Brasileira de Medicina Tropical) e o Prêmio FEAC de Jornalismo. Já atuou como repórter e apresentadora da Rádio Brasil Campinas. Formada pela PUC Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.