2 de março de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,9GW

INB adota energia solar para alimentar amostradores de aerossol

Cada sistema instalado possui dois módulos fotovoltaicos montados em uma gaiola de proteção

Autor: 2 de maio de 2023Brasil
2 minutos de leitura
INB adota energia solar para alimentar amostradores de aerossol

Foto: Divulgação

A INB (Indústrias Nucleares do Brasil) realizou a instalação de seis sistemas fotovoltaicos off-grids com o objetivo de alimentar amostradores de aerossol posicionados em comunidades remotas. A implementação da tecnologia foi realizada pela empresa Pulsar Energia Solar. 

Para cada um dos sistemas fotovoltaicos instalados foi utilizado dois módulos solares de 340 Wp, um controlador de carga, um inversor de tensão de onda senoidal, quatro baterias estacionárias de 150 AH e dispositivos de proteção, montados em uma gaiola de proteção.

A monitoração de aerossol nas comunidades remotas administradas pela INB ajudam a quantificar os materiais particulados em suspensão no ar. Nestes locais, a amostragem é feita em seis intervalos por dia, distribuídos em manhã, tarde, noite e madrugada. Trimestralmente, os filtros recolhidos são enviados para análise laboratorial.

Saiba mais:

Os amostradores de aerossol da empresa são compostos basicamente por: bomba centrífuga, controlador com datalogger e suporte para filtro de fibra de vidro para retenção de partículas.

“Ficamos satisfeitos em poder proporcionar a INB a aplicação de uma solução com uso de uma fonte renovável e limpa para realização da monitoração de aerossol em lugares remotos, o que colabora com os princípios fundamentais da empresa quanto a proteção ambiental de suas atividades”, destacou Monclair José de Araujo, responsável técnico do projeto e proprietário da Pulsar Energia Solar. 

Henrique Hein

Henrique Hein

Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como repórter do Jornal Correio Popular e da Rádio Trianon. Acompanha o setor elétrico brasileiro pelo Canal Solar desde fevereiro de 2021, possuindo experiência na mediação de lives e na produção de reportagens e conteúdos audiovisuais.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.