JA Solar inicia novos planos de expansão em 2021

Até o mês de março, a fabricante de painéis solares anunciou a operação de três projetos
JA Solar inicia novos planos de expansão em 2021

Seguindo a crescente expansão da indústria fotovoltaica, a JA Solar colocou em prática seus projetos para ampliar sua capacidade de produção na China. O principal objetivo é atender a demanda de diversos mercados, entre eles o brasileiro, atingindo capacidade produtiva de  60 GW por ano ao final deste novo ciclo de investimentos de quatro anos.  

O primeiro passo foi dado em janeiro deste ano. A empresa aumentou de 6 GW para 10 GW sua capacidade da linha de montagem de painéis fotovoltaicos na planta de células solares na ETDZ (Zona de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de Yangzhou), na China. De acordo com a JA Solar, o projeto foi elaborado em duas fases. 

Na primeira fase, o investimento é de aproximadamente US$ 926 milhões no desenvolvimento de uma linha de montagem de painéis de 6 GW e de uma planta de células solares de 6 GW. Já a segunda fase, que é a expansão de 4 GW na produção de células fotovoltaicas, conta com o investimento de US$ 617 milhões.  

A linha de montagem de painéis está prevista para entrar em atividade no final de 2021 e será finalizada em três anos. A JA Solar declarou que a segunda fase será negociada à parte com a ETDZ e estará subordinada à demanda do mercado. 

No começo do mês de março, a JA Solar anunciou o início da terceira fase da construção de uma unidade na cidade de Baotou, na China. Está instituído para a fase três do projeto a  produção de 20 GW de wafers e lingotes.  Neste projeto, o investimento foi de aproximadamente US$ 769,4 milhões e o processo de operação levará dois anos para ser efetuado.  

A fabricante também anunciou que está planejando um novo complexo industrial na Zona de Desenvolvimento Econômico de Qidong, na China. O tempo de construção previsto da unidade fabril é de quatro anos. 

O investimento previsto para esse projeto é de US$ 1,56 bilhão e a capacidade instalada é de 20 GW em painéis solares e 20 GW de células solares. Esse projeto conta na linha de montagem de módulos e na operação de células, com três fases de cerca de 6,66 GW cada, fazendo que o total de capacidade da empresa seja de 60 GW ao final dos próximos anos.  

Mercado brasileiro 

A JA Solar Brasil anunciou  no começo de março que pretende expandir as vendas no país para 1 GW até 2024. A empresa ampliou a sua atuação no país com o aumento da sua equipe de negócios e dos seus canais de vendas, além da construção de novas fábricas.  

“Com a finalização de novas fábricas em 2021, estamos quase quadruplicando a capacidade produtiva de 11 GW (2020) para 40 GW (2021), mantendo forte foco em super módulos de células 182 mm e de alta potência (540W e 485W)”, destaca Fernando Castro, country manager da JA Solar Brasil. 

A JA Solar também destacou as novidades para o mercado fotovoltaico brasileiro em 2021, com a disponibilização dos módulos 540 W e o novo módulo de 485 W. Além de previsão de anunciar novas contratações em breve.  

Imagem de Redação do Canal Solar
Redação do Canal Solar
Texto produzido pelos jornalistas do Canal Solar.

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

Receba as últimas notícias

Assine nosso boletim informativo semanal