5 de março de 2024
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 12,2GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 26,9GW

PL 5829 deverá ter sanção presidencial na próxima semana

De acordo com a Secretaria-Geral da República, documento já foi recebido pela Presidência e tem sanção prevista para o dia 6 de janeiro

Autor: 29 de dezembro de 2021janeiro 3rd, 2022Brasil
1 minutos de leitura
PL 5829 deverá ter sanção presidencial na próxima semana

Documento visa a criação do Marco Legal da GD no Brasil. Foto: Governo do Distrito Federal

O PL 5829 (Projeto de Lei n° 5829) deverá ser sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro no começo da próxima semana, provavelmente no dia 6 de janeiro, segundo informações apuradas pelo Canal Solar junto à Secretaria-Geral da Presidência da República.

De autoria do deputado Silas Câmara (Republicanos/AM) e relatoria do deputado Lafayette de Andrada (Republicanos/MG), o texto visa a criação do Marco Legal da GD (geração distribuída) no Brasil, atribuindo à ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) a responsabilidade de considerar atributos técnicos, ambientais e sociais no cálculo de compensação da energia.

O documento foi aprovado pela Câmara dos Deputados no dia 16 de dezembro, após ter sido apreciado pelos senadores. A proposta teve uma recepção controversa pelos profissionais que atuam no segmento de GD, foi encaminhada para sanção e recebida pela Presidência um dia depois, em 17 de dezembro, conforme informações da Secretária-Geral. 

Henrique Hein

Henrique Hein

Jornalista graduado pela PUC-Campinas. Atuou como repórter do Jornal Correio Popular e da Rádio Trianon. Acompanha o setor elétrico brasileiro pelo Canal Solar desde fevereiro de 2021, possuindo experiência na mediação de lives e na produção de reportagens e conteúdos audiovisuais.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.