18 de agosto de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5,61GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 12,3W

Proposta de kits com módulos BYD 550 W cadastrados no Finame é falsa

Empresa esclarece que os produtos que dizem ser nacionais, na verdade são importados, ou com potência inferior

Autor: 12 de julho de 2022julho 14th, 2022Notícias
Proposta de kits com módulos BYD 550 W cadastrados no Finame é falsa

A BYD diz que as propostas são um golpe e que não disponibilizam essa potência. Foto: Envato Elements

A BYD Brasil emitiu, nesta terça-feira (12), um comunicado afirmando que as propostas de kits fotovoltaicos com módulos BYD de 550 W cadastrados no Finame são falsas. A fabricante informou ainda ao Canal Solar que as famílias produzidas atualmente com códigos Finame são nas potências de 445 W, 450 W, 455 W e 530 W, 535 W e 540W.

“Infelizmente, algumas empresas integradoras tem agido de forma ilegal e irresponsável, infringindo as regras determinadas pelo BNDES, fazendo uso do código Finame BYD para projetos que utilizam módulos importados”, disse a companhia em nota.

“Tal prática vem sendo denunciada com muita frequência pelos parceiros da BYD e já contam com um esforço conjunto entre as entidades bancárias, associações e fabricantes, visando a identificação e penalização dos infratores”, ressaltaram.

Finame: o que é e como financiar equipamentos fotovoltaicos?

A empresa orienta aos parceiros que, na constatação de propostas que contemplem painéis importados fazendo uso do código Finame da BYD, entrem imediatamente em contato para a tomada das medidas cabíveis. Para qualquer dúvida, enfatizaram para contatar as redes sociais da BYD Energy, bem como pelo Whats-App: (11) 9.9376-9613 ou através do e-mail [email protected].

Mateus Badra

Mateus Badra

Atuou como produtor, repórter e apresentador na Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020, atuando nas editorias de Mercado e Tendências, Mobilidade Urbana, P&D e Equipamentos. Jornalista graduado pela PUC-Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.