16 de agosto de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5,61GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 12,2W

Tempestade no Sul do país deve provocar falta de energia

Transtornos às redes de distribuição de energia do PR e SC devem ser provocados por ventos de até 60 km/h

Autor: 5 de agosto de 2022Setor Elétrico
Tempestade no Sul do país deve provocar falta de energia

Sistema de monitoramento e alerta do Climatempo

Neste final de semana, diversos municípios do Paraná e de Santa Catarina poderão ter oscilações no fornecimento de energia elétrica em razão da previsão de chuvas, raios e rajadas de ventos com mais de 60 km/h.

De acordo com o sistema de monitoramento e alerta do Climatempo, empresa especializada em meteorologia, os transtornos às redes de distribuição de energia se darão por conta de uma tempestade prevista na região durante a noite de sábado (6) e a madrugada de domingo (7).

“A partir do fim da tarde e ao longo da noite, há alerta de chuvas intensas e temporais para todas as regiões de Santa Catarina, para o oeste, sudoeste e sul do Paraná e para o extremo norte do Rio Grande do Sul”, informou o Climatempo ao Canal Solar.

Além do alerta do Climatempo, o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) emitiu um aviso para queda de granizo na região. O instituto ainda alertou sobre o risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações e queda de árvores e alagamentos em Curitiba e região e por quase todo o Paraná.

Neste ano, um temporal similar deixou cerca de 473 mil casas sem energia em todo o estado paranaense. Maringá e Curitiba foram algumas das cidades mais afetada, ficando sem luz por horas.

Estragos provocados pela chuva na cidade de Maringá.| Foto: Divulgação/Copel

Os avisos emitidos servem como alerta para moradores das regiões afetadas a se prepararem para os prováveis impactos no fornecimento de energia elétrica, além de prejuízos que podem ser provocados em bens patrimoniais.

Vendaval e cobertura de seguros em sistemas fotovoltaicos

Na avaliação do engenheiro eletricista Mateus Vinturini, especializado em sistemas fotovoltaicos e armazenamento de energia e professor do curso Projetos de Energia Solar com Armazenamento em Baterias,  consumidores que possuem um sistema off grid não sofrerão com quedas e oscilações de energia elétrica.

O especialista ainda destaca que os bancos de baterias, muito usuais para sistemas fotovoltaicos off-grid, estão tornando-se atraentes também em instalações alimentadas pela rede elétrica, principalmente para a finalidade de backup (alimentação de emergência, quando há falta da rede) ou para a otimização do uso da energia elétrica.

Saiba mais: Projetos de Energia Solar com Armazenamento em Baterias

Na sua avaliação, quem investiu em um sistema de armazenamento de energia deve passar por essa tempestade sem prejuízos, em relação ao fornecimento de energia.

“Quem tiver armazenamento ficará com mais segurança e conforto durante um evento que pode trazer muitas incertezas sobre a disponibilidade de energia para uma grande região. Outro ponto importante é que quem tem sistema híbrido continua aproveitando do solar mesmo sem a rede e consegue longo período de autonomia se administrar corretamente as cargas”, ressalta Vinturini.

Ericka Araújo

Ericka Araújo

Head de jornalismo do Canal Solar. Apresentadora do Papo Solar. Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico. Possui experiência em produção de podcast, programas de entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Em 2019, recebeu o Prêmio Jornalista Tropical 2019 pela SBMT e o Prêmio FEAC de Jornalismo.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.