Empresa prevê investimentos de R$ 3 bi na construção de complexo solar no CE

Empreendimento gerará 1,5 mil empregos diretos durante o pico da obra nos municípios de Sobral e Santana do Acaraú
Empresa prevê investimentos de R$ 3 bi na construção de complexo solar no CE
Governo do Ceará em reunião com representantes da Cubico Sustainable Investments. Foto: Divulgação

A Cubico Sustainable Investments, empresa de investimentos globais em energia renovável, prevê investir cerca de R$ 3 bilhões na construção do Complexo Sobral, no interior do Ceará, que será um dos cinco maiores projetos fotovoltaicos do Brasil.

Nesta segunda-feira, o governador do Estado, Elmano de Freitas (PT), anunciou, em suas redes sociais, que se reuniu com representantes da empresa, no Palácio da Abolição, em Fortaleza (CE).

O encontro serviu para discutir mais detalhes sobre o parque gerador, que tem previsão de entrar em operação comercial no segundo semestre de 2025. 

Com capacidade instalada de mais de 1 GW, o empreendimento promete gerar mais de “1,5 mil empregos diretos durante o pico da obra nos municípios de Sobral e Santana do Acaraú”, escreveu o governador. 

Leia também:

A Cúbico Sustainable Investments é uma multinacional que trabalha com projetos de energia renovável no Brasil, Colômbia, México, Uruguai, Estados Unidos, Grécia, Itália, Portugal, Espanha, Reino Unido e Austrália.

Em seu portfólio, a empresa inclui tecnologias eólica onshore, solar fotovoltaica, solar térmica e linhas de transmissão e distribuição, cobrindo toda a cadeia de energia, desde o desenvolvimento até a operação.

Fontes renováveis no Ceará

Atualmente, o Ceará é um dos estados brasileiros que possui um potencial significativo para o fomento de fontes renováveis, como energia solar e eólica, no país. 

De acordo com a FIEC (Federação das Indústrias do Estado do Ceará), os municípios cearense tem potencial para gerar mais de 643 GW de energia fotovoltaica; 94 GW de energia eólica onshore e 117 GW de energia eólica offshore. 

Além destas fontes de energia, o estado também está se tornando um importante hub de hidrogênio verde, com o Porto de Pecém sendo o principal ponto desse desenvolvimento, com acordos de investimento que chegam a US$ 30 bilhões. 

Imagem de Henrique Hein
Henrique Hein
Atuou no Correio Popular e na Rádio Trianon. Possui experiência em produção de podcast, programas de rádio, entrevistas e elaboração de reportagens. Acompanha o setor solar desde 2020.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias Relacionadas

Receba as últimas notícias

Assine nosso boletim informativo semanal