26 de maio de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.99GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 10,7W

Instalação de inversores com a tecnologia Synergy da SolarEdge

A SolarEdge, uma das principais fabricantes mundiais de inversores, disponibilizou para o mercado brasileiro sua linha de inversores com tecnologia Synergy, com potências de até 120 kW.A SolarEdge é conhecida por sua tecnologia de...
Autor: 8 de fevereiro de 2022Inversores
Instalação de inversores com a tecnologia Synergy da SolarEdge

Uma das grandes vantagens da tecnologia Synergy é centralização de recursos. Foto: SolarEdge

A SolarEdge, uma das principais fabricantes mundiais de inversores, disponibilizou para o mercado brasileiro sua linha de inversores com tecnologia Synergy, com potências de até 120 kW.

A SolarEdge é conhecida por sua tecnologia de otimizadores de potência, que permite o rastreamento da máxima potência e o monitoramento individual de cada módulo que compõe o sistema fotovoltaico.

A tecnologia Synergy permite o rápido comissionamento e a integração de inversores através de uma caixa concentradora denominada Synergy Manager.

Além da função de concentração das strings e das conexões CA, o Synergy Manager incorpora funcionalidades de monitoramento, proteção, seccionamento e ainda conta com recursos avançados de proteção contra arco elétrico (AFCI – arc fault current interruptor) e de redução do efeito PID (potencial induced degradation) dos módulos fotovoltaicos.

Uma das grandes vantagens da tecnologia Synergy é centralização de recursos, já que o Synergy Manager incorpora recursos que normalmente seriam integrados aos inversores. Ao remover algumas funcionalidades dos inversores, deslocando-as para o Synergy Manager, obtêm-se inversores mais compactos, mais leves e com melhor relação custo-benefício.

Leia também

Fixação mecânica de inversores da linha Synergy da SolarEdge

Nova linha de inversores trifásicos Synergy da SolarEdge

Os equipamentos com tecnologia Synergy estão disponíveis no Brasil para redes trifásicas de 220V/127V e 380V/220V, em potências de 75 kW, 100 kW e 120 kW. A seguir, mostramos como um sistema Synergy da SolarEdge é constituído.

A configuração de um sistema envolve as conexões CC e CA entre o Synergy Manager e os inversores, a conexão dos cabos de comunicação e as conexões CC e CA do Synergy Manager com as strings fotovoltaicas e a rede elétrica, respectivamente.

Três inversores Synergy são conectados a um Synergy Manager

Três inversores Synergy são conectados a um Synergy Manager|

Conexões do Synergy Manager aos inversores

A figura a seguir ilustra a conexão do cabo de comunicação do Synergy Manager à entrada de comunicação do inversor.

Conexão do cabo de comunicação do Synergy Manager à entrada de comunicação do inversor

Conexão do cabo de comunicação do Synergy Manager à entrada de comunicação do inversor

Em seguida são mostradas as conexões CC entre o Synergy Manager e o inversor.

Conexões CC entre o Synergy Manager e o inversor

Conexões CC entre o Synergy Manager e o inversor

A figura abaixo ilustra a conexão CA do Synergy Manager ao inversor.

Conexão CA do Synergy Manager ao inversor

Conexão CA do Synergy Manager ao inversor

Na instalação do cabo CA deve-se prestar atenção ao alinhamento dos pinos, conforme mostram as imagens abaixo.

Conector do cabo CA do Synergy Manager

Conector do cabo CA do Synergy Manager

Conector CA do inversor

Conector CA do inversor

Conexão do arranjo fotovoltaico ao Synergy Manager

As conexões CC do sistema fotovoltaico são feitas nos barramentos localizados à esquerda do Synergy Manager.

O Synergy Manager pode estar equipado com conectores MC4 externos ou não. Dependendo do caso, basta fazer a conexão direta das strings aos conectores MC4 no painel inferior do Synergy Manager.

A figura a seguir mostra uma versão do Synergy Manager com conectores MC4 externos.

Conectores MC4 na parte inferior esquerda do Synergy Manager, aos quais são conectadas as strings fotovoltaicas

Conectores MC4 na parte inferior esquerda do Synergy Manager, aos quais são conectadas as strings fotovoltaicas

A figura abaixo mostra as conexões internas do Synergy Manager. Do lado esquerdo são realizadas as conexões CC, enquanto as conexões localizam-se do lado direito.

Para a realização das conexões CA é necessário remover a tampa do Synergy Manager.

Detalhe das conexões CC na parte esquerda do Synergy Manager

Detalhe das conexões CC na parte esquerda do Synergy Manager

A conexão do Synergy Manager à rede elétrica é feita com a passagem de um cabo de múltiplos polos pelo orifício com prensa-cabo do lado direito, como ilustrado na figura abaixo.

A conexão CA requer 3 condutores fase, 1 condutor neutro e 1 condutor de aterramento.

Passagem do cabo CA multipolar pelo orifício inferior direito do Synergy Manager

Passagem do cabo CA multipolar pelo orifício inferior direito do Synergy Manager

Conexões CA do Synergy Manager à rede elétrica. Os três conectores à esquerda correspondem às fases. O último conector (à direita) corresponde ao neutro

Conexões CA do Synergy Manager à rede elétrica. Os três conectores à esquerda correspondem às fases. O último conector (à direita) corresponde ao neutro

Conexões CA do Synergy Manager à rede elétrica. Os três conectores à esquerda correspondem às fases. O último conector (à direita) corresponde ao neutro

Conexão do condutor de aterramento, localizada na parte direita do compartimento interno do Synergy Manager

Conexão do condutor de aterramento, localizada na parte direita do compartimento interno do Synergy Manager

Conexão do condutor de aterramento, localizada na parte direita do compartimento interno do Synergy Manager

Conexão dos cabos de comunicação ao Synergy Manager

Para a ativação do sistema de monitoramento e a coleta de dados para a plataforma em nuvem da SolarEdge é necessário conectar um cabo de rede ao Synergy Manager, como ilustrado na figura abaixo.

A comunicação emprega o padrão Ethernet, o que permite conectar o Synergy Manager a uma porta de um roteador de rede convencional, ligado à Internet. A conexão é feita através de um cabo de rede com terminais RJ45.

Conexão do Synergy Manager à Internet com um cabo Ethernet dotado de conector RJ45

Conexão do Synergy Manager à Internet com um cabo Ethernet dotado de conector RJ45

Caso existam múltiplos sistemas Synergy na planta fotovoltaica, eles devem ser conectados entre si por meio de cabos RS485, como ilustra a figura a seguir.

Sistemas com múltiplos Synergy Managers podem ser constituídos por meio de comunicação RS485

Sistemas com múltiplos Synergy Managers podem ser constituídos por meio de comunicação RS485

Os inversores devem ser conectados em cascata através dos conectores RS485 destacados na figura a seguir.

Apenas um Synergy Mager do sistemas será ligado à rede Internet. Os demais Synergy Managers deverão comunicar-se por cabos RS485 com o Synergy Manager principal, que recebe a conexão Ethernet.

Conectores RS485 usados em sistemas com múltiplos Synergy Managers

Conectores RS485 usados em sistemas com múltiplos Synergy Managers

Finalmente, a figura abaixo mostra um sistema Synergy com todas as conexões realizadas.

Configuração completa de um sistema Synergy

Configuração completa de um sistema Synergy da SolarEdge

Canal Solar

Canal Solar

Equipe de Engenharia do Canal Solar

Um comentário

  • Dilson Aires disse:

    Solução muito interessante, dependendo do valor praticado no Brasil pode ser integrado a vários lrojetos, pois tem uma proposta inovadora que confere segurança, praticidade e inovação tecnológica.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.