16 de agosto de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5,61GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 12,2W

Prefeitura de Maringá terá economia de R$ 2 milhões com energia solar

Valor que seria utilizado na conta de luz poderá ser destinado para outros serviços em prol da comunidade

Autor: 5 de julho de 2022Projetos
Prefeitura de Maringá terá economia de R$ 2 milhões com energia solar

O sistema fotovoltaico irá proporcionar redução de até 90% de energia dos prédios públicos. Foto: Envato Elements

Apostando em redução de gastos e sustentabilidade, a prefeitura de Maringá (PR) anunciou que vai construir duas usinas fotovoltaicas. De acordo com a Pasta, a solar vai garantir uma economia de R$ 2 milhões mensais para os prédios públicos – que deixarão de ser pagos em conta de energia.

A previsão é que em menos de três anos e meio o financiamento possa ser pago. A partir disso, afirmaram que os recursos utilizados poderão ser destinados para outros serviços em prol da comunidade.

O Órgão destacou ainda que as plantas – somadas possuem 5 MW de potência, com 11,3 mil painéis em cada – ajudarão a revitalizar a iluminação pública com lâmpadas de LED, proporcionando mais segurança e redução da emissão de carbono.

Mais sobre a iniciativa

A prefeitura, por meio da parceria com o Projeto Felicity, ganhou o projeto técnico para instalação do primeiro sistema, de quase 110 mil m², no Parque Industrial Felizardo Meneguetti. O segundo, que está em fase de projeto, deve ser instalado na região do distrito de Iguatemi.

Segundo a Pasta, a expectativa é que a primeira unidade comece a ser construída no final deste ano e que em 2023 os dois empreendimentos estejam em funcionamento.

Em maio, assinaram acordo com o BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento), que prevê uma verba de R$ 30 milhões para iniciativas sustentáveis, incluindo a construção da usina.

O município já iniciou a elaboração do termo de referência e está com o pedido de autorização no IAT (Instituto Água e Terra) e Copel para construção da primeira planta, no Parque Industrial Felizardo Meneguetti. Após a autorização, devem abrir processo licitatório.

O projeto, que faz parte de uma cooperação com o MME (Ministério de Minas e Energia), capacitou cidades e regiões metropolitanas, incluindo Maringá, a desenvolver e implementar programas de energia renovável elegíveis para financiamento internacional.

“Com essa parceria, nossa cidade sai na frente em busca de soluções inovadoras e sustentáveis, pronta para os desafios do futuro”, destacou Hércules Kotsifas, secretário de Governo.

Energia solar em Maringá

De acordo com dados da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), Maringá lidera o ranking de geração distribuída fotovoltaica no estado do Paraná com 26,8 MW de potência instalada.

Mateus Badra

Mateus Badra

Atuou como produtor, repórter e apresentador na Bandeirantes e no Metro Jornal. Acompanha o setor elétrico brasileiro desde 2020, atuando nas editorias de Mercado e Tendências, Mobilidade Urbana, P&D e Equipamentos. Jornalista graduado pela PUC-Campinas.

Um comentário

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.