24 de outubro de 2021

Presidente Bolsonaro mantém apoio à geração distribuída no Brasil

Emenda do PL 5829 pede 10% de penetração de GD antes de qualquer alteração nas regras

Autor: 11 de março de 2021abril 26th, 2021Brasil
Presidente Bolsonaro mantém apoio à geração distribuída no Brasil

O presidente Jair Bolsonaro reafirmou nesta quinta-feira (11) seu apoio à continuidade da expansão da geração distribuída no Brasil e considerou o PL 5829/19 como uma proposta favorável à população brasileira.

“Energia é tudo no país. Então, é uma proposta bem vinda, que afinal de contas ajuda a baratear o que nós produzimos com energia na ponta da linha”, afirmou Bolsonaro durante encontro com o deputado federal Evandro Roman (Patriota/PR).

Também nesta quinta, o deputado cadastrou no sistema da Câmara a emenda que altera o PL 5829/2019 para que ele traga penetração de 10% de GD em geração de energia elétrica na matriz antes de qualquer mudança nas normas.

O documento apresentado pelo deputado foi construído pela ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica) e conta com o apoio de diversos profissionais do setor. Clique aqui para ler a emenda.

Novo texto-base do PL 5829

O deputado Lafayette de Andrada (Republicanos/MG) apresentou no fim da tarde de segunda-feira (8), um novo texto-base para o PL 5829/19. De acordo com o parlamentar, o novo texto traz mudanças positivas para o setor de geração distribuída e garantem a continuidade do crescimento do segmente no país.

Entre as alterações estão a determinação de que as mudanças passem a vigorar após 12 meses da publicação da Lei e que os consumidores que protocolarem solicitação durante este período de vacância terão o direito garantido até 2046, trazendo mais segurança jurídica para os projetos fotovoltaicos. Confira aqui as outras mudanças.

O novo texto foi bem recebido pelas associações e empresas que atuam no segmento no país, que encaram com otimismo o futuro da geração distribuída no Brasil.

Ericka Araújo

Ericka Araújo

Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico. Possui experiência em produção de podcast, programas de entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Em 2019, recebeu o Prêmio Jornalista Tropical 2019 pela SBMT (Sociedade Brasileira de Medicina Tropical) e o Prêmio FEAC de Jornalismo. Já atuou como repórter e apresentadora da Rádio Brasil Campinas. Formada pela PUC Campinas.

Um comentário

Comentar