27 de janeiro de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 4.63GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 8,83GW

GoodWe ocupa 1ª posição no ranking global de inversores híbridos

Atualmente a empresa ocupa o primeiro lugar em armazenamento de energia

Autor: 11 de maio de 2020julho 27th, 2021Licitações
GoodWe ocupa 1ª posição no ranking global de inversores híbridos

A GoodWe alcançou a primeira posição entre os fabricantes globais de inversores híbridos, com mais de 15% de participação no mercado global. Os números foram divulgados pela Wood Mackenzie em seu relatório Global PV Inverter Market Shares Full-Year 2019.

A empresa entrou no setor em 2014 e, desde então, tem investido em pesquisa contínua e desenvolvimento estratégico com uma equipe de aproximadamente 200 pesquisadores de energia solar. Com isso, construiu um portfólio que varia entre 3 kW a 100 kW, incluindo soluções monofásicas e trifásicas, de alta e baixa tensão, soluções retrofit de acoplamento CC e CA.

Atualmente o portfólio de inversores híbridos da GoodWe consiste nas linhas ES, EM, ET, EH, BT, BH, SBP, ETC, BTC e SEA, desenvolvidos para diferentes cenários de aplicação e que oferecem grande potencial no setor de armazenamento.

De acordo com a empresa, a sua função de backup garante uma fonte de alimentação constante durante 24 horas em condições climáticas extremas. Em países onde as redes não são confiáveis ou estão em más condições, os sistemas híbridos oferecem a melhor alternativa para a autossuficiência.

Atualmente a empresa ocupa o primeiro lugar em armazenamento de energia, especialmente na Europa, África do Sul e Austrália. Isso porque, em mercados onde o preço da eletricidade é alto, como Itália, Alemanha e Austrália, um número crescente de moradores está optando por inversores híbridos devido aos incentivos financeiros oferecidos em cada país e contas de eletricidade mais elevadas, com a intenção de maximizar o autoconsumo.

Para Daniel Huang, CEO da GoodWe, o reconhecimento motiva o aprimoramento da empresa. “A GoodWe sempre enxergou o fornecimento de inversores de alta qualidade como sua vantagem competitiva mais importante e sua principal contribuição para a contínua transformação de energia. Gostaríamos de expressar nossa gratidão a nossos clientes e parceiros pelo constante apoio e por compartilhar todo o feedback valioso que nos ajudou a oferecer produtos excelentes”.

Ericka Araújo

Ericka Araújo

Desde 2020, acompanha o mercado fotovoltaico. Possui experiência em produção de podcast, programas de entrevistas e elaboração de matérias jornalísticas. Em 2019, recebeu o Prêmio Jornalista Tropical 2019 pela SBMT (Sociedade Brasileira de Medicina Tropical) e o Prêmio FEAC de Jornalismo. Já atuou como repórter e apresentadora da Rádio Brasil Campinas. Formada pela PUC Campinas.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.

Licitações

SolarEdge registra crescimento no lucro no 3º trimestre de 2020

A SolarEdge relatou que atingiu, entre julho e setembro de 2020, um faturamento de US$ 338,1 milhões, o que representou uma alta de 2% em relação ao valor registrado no segundo trimestre. Além disso, a fabricante também informou que seu resultado operacional trimestral foi de US$ 30,4 milhões e o lucro líquido foi de US$ 43,8 milhões. No terceiro trimestre, a SolarEdge ainda embarcou cerca de 1.415 MW de seus produtos, dos quais 708 MW no segmento residencial e 743 MW no comercial. No total, a empresa vendeu cerca de 125.500 inversores e 3.272 otimizadores de energia de julho a…
12 de novembro de 2020
Licitações

Jinko Solar prepara listagem no mercado STAR da China

Após conseguir RMB 3,1 bilhões (aproximadamente US$ 458 milhões) por meio de uma rodada de financiamento de capital, a Jinko Solar Holding anunciou que está se preparando para listar sua subsidiária Jiangxi Jinko no mercado STAR da China. As notícias surgiram pela primeira vez em setembro, quando a empresa disse que estava considerando a possível listagem a fim de impulsionar um novo crescimento e atrair investimentos futuros. “A conclusão bem-sucedida desta arrecadação de fundos representa um marco importante para nós e nos leva um passo mais perto da listagem planejada. Também nos fornece o capital para expandir nossa capacidade e…
12 de novembro de 2020
Licitações

Stäubli investe em P&D para garantir sistemas fotovoltaicos seguros

A Stäubli, fornecedora suíça de conectores elétricos para sistemas fotovoltaicos, tem investido em P&D (pesquisa e desenvolvimento) com o objetivo de aprimorar suas soluções para o setor solar e torná-las mais seguras. A divisão de conectores elétricos do grupo suíço, que possui uma cooperação plurianual com o Laboratório de Sistemas Fotovoltaicos da BFH (Universidade de Ciências Aplicadas de Berna), é especialista em soluções de conexão elétrica ​​para muitos setores industriais. “No laboratório fotovoltaico da BFH, além do monitoramento de longo prazo e dos testes de qualidade de sistemas e componentes fotovoltaicos, também analisamos as condições técnicas subjacentes para aumentar a…
31 de outubro de 2020
Licitações

Trina vai aumentar produção de painéis de 500 W e 600 W em 15 GW até 2023

A Trina Solar anunciou que vai ampliar sua capacidade de produção de painéis solares em 15 GW. A estimativa é que o projeto custará por volta de 3 bilhões de yuans (R$ 2,5 bilhões), dos quais 1,5 bilhão de yuans (R$ 1,2 bilhão) serão utilizados na compra de equipamentos. Segundo a fabricante, a construção deve começar ainda neste ano e será finalizada em 2023. Para isso, a empresa assinou um acordo de cooperação e investimento com o Comitê de Administração da Zona de Desenvolvimento Industrial de Alta Tecnologia Nacional de Changzhou, na China. A Trina planeja atualizar todas as suas…
1 de outubro de 2020