16 de agosto de 2022
solar
No Brasil Hoje

Potencia GC SolarGC 5,61GW

No Brasil Hoje

Potencia GD SolarGD 12,2W

Setor de trackers solares tem alta de 39% em 2020, diz Wood Mackenzie

Os dados foram apontados no relatório “Global solar PV tracker market share 2021”

Autor: 25 de outubro de 2021Brasil
Setor de trackers solares tem alta de 39% em 2020, diz Wood Mackenzie

O setor de rastreadores solares no Brasil aumentou de 1992 MW, em 2019, para 2788 MW de trackers, segundo o relatório “Global solar PV tracker market share 2021” divulgado pela Wood Mackenzie.

“O mercado de energia solar fotovoltaica está amadurecendo e se ampliando pelo mundo, sendo a matriz de energia cogitada para as próximas décadas, e estamos felizes em poder acompanhar este movimento, trazendo cada vez mais tecnologia e eficiência para o setor”, comentou Javier Reclusa, CEO da STI Norland.

Entre as empresas que aqueceram este segmento o ano passado está a fabricante de trackers STI Norland. De acordo com o relatório, a empresa espanhola liderou o ranking brasileiro de participação de mercado em 2020, aumentando sua participação de 39% para 70%.

Já a nível América Latina, a fabricante registrou uma alta expressiva de 2019 para 2020, subindo de 17% para 35%. Com o aumento, a empresa espanhola passou a ocupar a 5ª posição no ranking mundial das principais companhias do setor.

“O último ano, sem dúvidas, foi um dos que mais enfrentamos desafios, em todo o mundo e em todos os aspectos, desde a pandemia em si, até a falta de matérias primas, câmbio, economias e toda essa instabilidade”, destacou Reclusa.

Papo Solar: #35 Javier Reclusa: expansão do segmento de trackers e de novas tecnologias para o setor solar brasileiro

“Claro que ficamos apreensivos com o que iria acontecer, mas desde o início desenhamos estratégias com o que estava ao nosso alcance e focamos em continuar com nossas entregas, dedicando tempo e atenção por completo para cada projeto. O resultado foi muito positivo e conseguimos atravessar esse ano superando nossas expectativas”, acrescentou.

O executivo atribui esses resultados aos esforços feitos pela sua equipe e ao crescente interesse da população mundial por esse tipo de energia. “Com certeza, reconhecimentos como esses nos mostram que os esforços da equipe estão na direção certa, o que nos motiva a continuar melhorando e expandindo os negócios. Mesmo com os desafios enfrentados no último ano, em todo o mundo, a STI Norland continua mantendo seu ritmo para oferecer a todos que vêm percebendo o potencial da energia solar como fonte de energia renovável”, finalizou.

Mariana Zilli

Mariana Zilli

Atuou no Projor (Instituto para o Desenvolvimento do Jornalismo) na mediação e no mapeamento de veículos de imprensa em funcionamento. Possui experiência como assessora de imprensa e produtora de conteúdo para redes sociais.

Comentar

*Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Canal Solar.
É proibida a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes e direitos de terceiros.
O Canal Solar reserva-se o direito de vetar comentários preconceituosos, ofensivos, inadequados ou incompatíveis com os assuntos abordados nesta matéria.